Covington confirma ter desistido de enfrentar ex-amigo, Masvidal, e explica motivo | SUPER LUTAS

Covington confirma ter desistido de enfrentar ex-amigo, Masvidal, e explica motivo

Antigo companheiro de treinos na ATT, ‘falastrão’ aponta derrota de Jorge para Usman como ponto determinante para o desinteresse

C. Covington em coletiva do UFC. Foto: Reprodução/Facebook @ColbyCovington

Depois de flertar com um confronto diante de seu antigo melhor amigo e ex-companheiro de Amerian Top Team (ATT), Colby Covington parece ter perdido o interesse em trocar forças contra Jorge Masvidal. Em entrevista ao ‘MMA Junkie’, o falastrão explicou o motivo de não querer mais o confronto. Hoje, o atleta negocia uma disputa de cinturão em revanche com Kamaru Usman.

Veja Também

“Não faz mais sentido. Haverá pessoas desvalorizando minha vitória se eu o derrotasse. Eu já ganhei sua alma por, pelo menos, 10 anos, quando treinávamos juntos na American Top Team. Você pode procurar na internet. (…) Ele sabe que sou seu pai, seu dono, e tem um motivo por ele ter recusado aluta por tanto tempo. Ele não quer me enfrentar”, afirmou Covington.

As portas para um duelo com Masvidal, no entanto, não estão 100% fechadas para Covington. Segundo o norte-americano, caso haja engajamento do público pelo confronto, o ‘falastrão’ pode mudar de ideia.

“Se o UFC realmente quiser fazer isso, sou o campeão do povo e da América por um motivo. Vou fazer o que as pessoas quiserem. O cara tem quase 20 derrotas no seu cartel”, disse.

Enquanto desdenha de um eventual encontro com Masvidal, Colby negocia uma nova disputa de cinturão. Buscando uma revanche contra seu último algoz, Kamaru Usman, o atleta enxerga no novo encontro a oportunidade de ampliar seu legado no MMA.

“Quero ir lá e derrotar Kamaru Usman, me consolidar como o melhor meio-médio (até 77kg.) do mundo e, depois, me cimentar como o melhor meio-médio de todos os tempos. Tenho assuntos inacabados”, finalizou.

Derrotado por Usman em 2019, Covington conseguiu se recuperar na carreira. Atual número um no ranking da categoria, o norte-americano vem de grande vitória sobre o ex-campeão da divisão, Tyron Woodley, em setembro de 2020.

Podcast #30: Aquecimento para o UFC 266 com duas disputas de cinturão e migué de Romero no Bellator

Comentários

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments