Após bom começo, Marlon Moraes é atropelado por Merab Dvalishvili e perde a terceira consecutiva no UFC

O brasileiro não foi páreo para o ímpeto do georgiano, que tem agora sete vitórias consecutivas no Ultimate

M. Dvalishivili vence M. Moraes no UFC 266. Foto: Reprodução/Instagram @ufc_brasil

Não deu para Marlon Moraes no UFC 266. Na última luta do card preliminar do evento, o brasileiro teve ótimo início de luta contra Merab Dvalishvili, mas sofreu a virada e perdeu por nocaute técnico no segundo round.

Veja Também

A derrota foi a terceira seguida de Marlon Moraes, que tem agora quatro resultados negativos nas últimas cinco aparições no octógono.

Do outro lado, Merab Dvalishvili venceu a sétima consecutiva no Ultimate e provou mais uma vez que é um dos nomes mais promissores da divisão peso galo (até 61,2 kg) da organização.

A LUTA

Logo no início da luta, Marlon Moraes deixou clara sua intenção de abusar dos chutes na perna para minar a movimentação de Merab Dvalishvili. Na primeira tentativa de queda, o georgiano conseguiu derrubar o brasileiro, que rapidamente se levantou e continuou a atacar a panturrilha do adversário. Perto da metade do round, Marlon conseguiu ótima sequência de golpes e chegou a derrubar o georgiano. Quando a vitória de Marlon parecia encaminhada, Dvalishvili conseguiu grudar no brasileiro e levar a luta para o chão, caindo em posição de vantagem. Por cima, o georgiano aplicou boas cotoveladas e martelou o brasileiro, que resistiu até o soar do gongo.

Logo no início do segundo round, Dvalishvili conectou um ótimo direto e logo atacou em queda para derrubar Marlon. Por cima, o georgiano voltou a atacar com muitas cotoveladas. Guerreiro, Marlon conseguiu ficar de pé e tentou atacar no double leg, mas foi Dvalishvili quem conseguiu derrubar. Com o brasileiro em quatro apoios, o georgiano colocou duros golpes de esquerda na lateral da cabeça do brasileiro até a interrupção do árbitro por nocaute técnico.

Dan Hooker bate Nasrat Haqparast por decisão unânime e volta a vencer no UFC

D. Hooker derrotou N. Haqparast no UFC 266 (Foto: Instagram/UFC)

Na penúltima luta do card preliminar do UFC 266, Dan Hooker derrotou Nasrat Haqparast por decisão unânima dos juízes (30-27, 30-26, 30-27) em duelo válido pela divisão dos leves (até 70,3 kg).

Após encontrar certa dificuldade na luta em pé no primeiro assalto, o australiano, oitavo colocado no ranking dos leves, fez valer a maior experiência e passou a fazer uma luta mais estratégica nos dois rounds restantes, conseguindo levar a luta para o chão e pontuar para conquistar a vitória.

Dan Hooker reencontrou o caminho das vitórias após derrotas consecutivas para Dustin Poirier e Michael Chandler. Nasrat Haqparast, por sua vez, perdeu uma boa oportunidade de entrar no ranking da divisão e viu ser interrompida a sequência de duas vitórias.

Chris Daukaus não toma conhecimento de Shamil Abdurakhimov e vence a quinta consecutiva

C. Daukaus nocauteou S. Abdurakhimov no UFC 266 (Foto: Instagram/UFC_Brasil)

Na sexta luta do card preliminar, válida pela divisão dos pesados (até 120,2 kg), Chris Daukaus derrotou Shamil Abdurakhimov por nocaute técnico no segundo round.

A luta chegou perto de terminar logo no primeiro assalto, quando Chris Daukaus acertou um cruzado limpo de esquerda na ponta do queixo de Shamil Abdurakhimov, que foi à lona. O norte-americano conseguiu a montada e castigou o russo, que acabou salvo pelo gongo.

No início do segundo round foi um direto de Daukaus que derrubou Abdurakhimov. O norte-americano ameaçou comemorar, mas, ao ver que o árbitro não interrompeu a luta, foi para cima e completou o serviço com duros golpes, conquistando a vitória por nocaute técnico.

A vitória foi a quinta consecutiva por nocaute de Daukaus, que se mantém invicto no Ultimate. Shamil Abdurakhimov, por outro lado, perdeu a segunda consecutiva na organização.

RESULTADOS DO UFC 266

CARD PRINCIPAL

Peso pena (até 65,7kg.): Alexander Volkanovski x Brian Ortega – Luta pelo cinturão

Peso mosca (até 56,7kg.): Valentina Shevchenko x Lauren Murphy – Luta pelo cinturão

Peso médio (até 83,9kg.): Nick Diaz x Robbie Lawler

Peso pesado (até 120,2kg.): Curtis Blaydes x Jairzinho Rozenstruik

Peso mosca (até 56,7kg.): Jéssica Bate-Estaca x Cynthia Calvillo

CARD PRELIMINAR

Peso galo (até 61,2kg.): Merab Dvalishvili derrotou Marlon Moraes por nocaute técnico a 4m25s do R2

Peso leve (até 70,3kg.): Dan Hooker derrotou Nasrat Haqparast na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-26, 30-27)

Peso pesado (até 120,2kg.): Chris Daukaus derrotou Shamil Abdurakhimov por nocaute técnico a 1m32s do R2

Peso mosca (até 56,7kg.): Taila Santos derrotou Roxanne Modafferi na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 30-27)

Peso leve (até 70,3kg.): Jalin Turner finalizou Uros Medic com um mata-leão a 4m01s do R1

Peso médio (até 83,9kg.): Nick Maximov derrotou Cody Brundage na decisão unânime dos juízes (29-28, 29-28, 29-28)

Peso meio-médio (até 77kg.): Matthew Semelsberger derrotou Martin Sano por nocaute a 15seg. do R1

Peso pena (até 65,7kg.): Jonathan Pearce finalizou Omar Morales com um mata-leão a 3m31s do R2

Podcast #034: A volta de Borrachinha ao UFC e a possível aposentadoria de Fedor