Brian Ortega se pronuncia após ‘guerra’ e destaca resistência de Alexander Volkanovski no UFC 266

Após tentativa frustrada de conquistar o cinturão, norte-americano afirmou que o campeão é 'mais resistente' do que ele esperava

A. Volkanovski (esq.) e B. Ortega (dir.) deram show no UFC 266. Foto: Reprodução/Instagram

No último sábado (25), Brian Ortega teve a chance de se tornar o novo campeão dos penas (até 65,7kg.) no combate diante de Alexander Volkanovski, válido pela luta principal do UFC 266. O norte-americano entregou uma luta justa e esteve em bons momentos, mas foi derrotado na decisão unânime dos juízes.

Veja Também

Em declarações aos jornalistas após o evento, Ortega reagiu à derrota para o campeão. Questionado sobre a luta, ele acreditou que poderia finalizar Volkanovski no terceiro round, mas admitiu que o campeão era ainda mais resistente do que se esperava.

“Achei que estava tudo pronto. É exatamente tudo que treinamos para a luta e, como eu disse, estava tentando ‘cortar’ a cabeça dele, mas ele é durão pra c******. Eu tentei apertar aquele pescoço e, acredite em mim, tentei acabar com ele. Cheguei a ouvir que ele estava se contorcendo, mas mesmo assim escapou”, relembra Ortega.

O combate, inclusive, marcou a segunda tentativa para Brian Ortega tentar conquistar o cinturão. Anteriormente, o norte-americano havia parado em Max Holloway, em 2018. Na segunda chance, ele teve uma possibilidade de finalizar Alexander Volkanovski, mas não conseguiu. Em seu cartel, agora, são 15 vitórias, duas derrotas e uma luta ‘sem resultado’ na carreira.

Podcast #034: A volta de Borrachinha ao UFC e a possível aposentadoria de Fedor