Lenda do MMA, BJ Penn sugere candidatura ao cargo de governador do Havaí

Ex-campeão do UFC planeja campanha e fala sobre medidas contra a COVID-19 no Havaí (EUA); ele não atua desde maio de 2019

B. Penn pode se candidatar ao governo do Havaí. Foto: Reprodução/Instagram @bjpenn

Ex-campeão dos leves (até 70,3kg.) e meio-médios (até 77kg.) do Ultimate e lenda das artes marciais mistas, BJ Penn está perto de deixar o esporte para migrar à política. Em publicação nas redes sociais, o atleta indicou que planeja ir além e sugeriu candidatura ao governo do estado do Havaí (EUA). Na legenda, inclusive, o havaiano indicou que pode reduzir as restrições de quarentena pela COVID-19.

PUBLICIDADE:

Veja Também

“Eu cometi muitos erros na minha vida, mas nunca fugiria de uma luta ou trairia meu pessoal. Assim que eu entrar no gabinete do governador do Havaí, removerei todos os novos mandatos federais e estaduais que têm prejudicado nossa economia, residentes e ‘ohana’. Teremos os melhores médicos, medicamentos, terapias e cuidados de saúde que o mundo tem a oferecer para combater esta pandemia e sempre manter o Havaí entre os estados mais seguros e saudáveis ​​da união”, disse Penn, em vídeo no ‘Instagram’.

BJ Penn não é o primeiro lutador a tentar se lançar na política. Anteriormente, no Brasil, Wanderlei Silva se candidatou a deputado federal nas últimas eleições, obteve 13.753 votos, mas não conseguiu uma vaga no pleito. Em 2014, Thiago Tavares também tentou, mas com cerca de 8 mil votos também não se elegeu.

PUBLICIDADE:

Já nos Estados Unidos, Tito Ortiz chegou a ser ‘prefeito interino’ em sua cidade natal, Huntington Beach. Por outro lado, o pugilista Manny Pacquiao anunciou aposentadoria para candidatura ao cargo de presidente das Filipinas para 2022.

Podcast #39: Prévia de Aldo, Charles e Amanda + 14 anos de SUPER LUTAS