Campeão linear dos galos, Aljamain Sterling projeta data de retorno ao octógono

Em recuperação de cirurgia no pescoço, o norte-americano deu detalhes de tratamento e afirmou que deve retornar ao octógono no primeiro trimestre de 2022

A. Sterling ostenta o cinturão dos galos. Foto: Reprodução/Instagram

Na semana em que estará em jogo o título interino dos galos (até 61,2kg), o campeão linear da categoria Aljamain Sterling já começa a traçar o seu retorno ao octógono. Em entrevista ao site ‘MMA Fighting‘, o norte-americano falou sobre o cancelamento de sua luta contra Petr Yan, revelou como anda a sua recuperação da cirurgia no pescoço e projetou a possível data de sua volta.

PUBLICIDADE:

LEIA MAIS: Dana White confirma a mudança de categoria de Paulo Borrachinha: ‘É um meio-pesado agora’

Veja Também

“Acho que janeiro, fevereiro, março no máximo. Eu realmente não quero fazer nada mais tarde do que isso. Estou envelhecendo e quero capitalizar minha juventude. Eu adoraria tentar conseguir três defesas de título em um ano. Isso significa que eu teria que ganhar o próximo e depois tentar três dentro de um ano, o que é um grande feito. Eu acho que se eu puder manter meu corpo saudável, eu posso potencialmente fazer isso”, declarou Sterling.

PUBLICIDADE:

Inicialmente escalado para enfrentar Petr Yan no UFC 267, o norte-americano precisou sair do combate para passar por um procedimento cirúrgico em seu pescoço. Mesmo com toda a polêmica causada pelo adiamento do combate, o lutador garantiu que ficou satisfeito com a decisão tomada, pois a sua lesão de fato era grave.

“Eu não poderia estar mais feliz com a decisão que tomei. Acordar, dormir, ficar em pé e andar sem ter uma dor constante em meu pescoço, é uma grande mudança. A qualidade de vida é muito maior. Eu não posso acreditar que eu não fiz isso antes, se eu estou sendo honesto”, finalizou o campeão.

PUBLICIDADE:

Embalado por seis vitórias seguidas, Sterling conquistou o cinturão em março desse ano em uma luta polêmica. Durante o combate contra Petr Yan, no UFC 259, o norte-americano sofreu uma joelhada ilegal no quarto round. O russo foi desqualificado e Aljamain foi condecorado como novo campeão. O combatente possui um cartel no MMA de 20 triunfos e três reveses.

PUBLICIDADE:

Podcast #41: José Aldo de volta ao topo + Charles do Bronx e Amanda Nunes no UFC 269