Kamaru Usman admite dar chance a Leon Edwards por cinturão, mas não esquece Vicente Luque

Campeão dos meio-médios no UFC afirma que inglês fez por merecer luta por título e brasileiro segue na briga

Usman cinturão UFC 269

K. Usman manteve o cinturão dos meio-médios no UFC 268. Foto: Reprodução/Instagram

Depois de passar por Colby Covington em grande batalha no UFC 268, Kamaru Usman já parece saber quem será seu próximo desafiante. Campeão dos meio-médios (até 77kg.) desde 2019, o nigeriano admitiu que Leon Edwards merece enfrentá-lo pelo trono da categoria. O atleta, no entanto, afirmou que Vicente Luque corre por fora.

PUBLICIDADE:

Veja Também

“Olhando para a divisão, existem algumas lutas por lá. Leon Edwards faz o trabalho dele (contra Jorge Masvidal, no UFC 269), se passar, ele ganha uma estrela dourada. Ele não perde desde que me enfrentou da primeira vez e é isso que as pessoas querem ver”, disse Usman, em entrevista à ‘ESPN’.

Disposto a enfrentar adversários que nunca cruzaram seu caminho no octógono, Kamaru também não descarta outra possibilidade. Correndo por fora, Vicente Luque foi lembrado pelo campeão.

PUBLICIDADE:

“Não se pode esquecer de Vicente Luque. Ele foi testado como todos os outros. É um lutador empolgante. Com a forma que eu luto hoje e o lugar que eu ocupo, Vicente Luque é outro candidato animador. Estou esperando esses caras dizerem: ‘sou o próximo”, encerrou.

No último fim de semana, Usman chegou à sua quinta defesa de cinturão. Além de manter o trono, o nigeriano ampliou o bom momento, chegando a 15 triunfos consecutivos apenas com as luvas do Ultimate. O número fez com que o atleta encostasse no recorde de Anderson Silva, que se manteve invicto na organização por 16 embates.

PUBLICIDADE:

Podcast #40: José Aldo ainda pode ser campeão no UFC?