Amanda Lemos vive ‘guerra’ no octógono, mas vence Angela Hill em decisão dividida no UFC Las Vegas 45

Promessa no peso palha do Ultimate, brasileira não tem vida fácil e bate norte-americana em batalha de três assaltos

A. Lemos (dir.) derrotou A. Hill (esq.) no UFC Las Vegas 45. Foto: Reprodução/Instagram

Promessa brasileira no peso palha (até 52,1kg.) do Ultimate, Amanda Lemos viveu uma ‘guerra’ neste fim de semana. Adversária de Angela Hill no UFC Las Vegas 45, realizado neste sábado (18), a brasileira esteve perto de vencer com um nocaute histórico no primeiro, mas esbarrou na resistência da norte-americana. O confronto, aplaudido de pé pelo público presente no ‘Apex’, teve seu desfecho na decisão dividida dos juízes. Dois dos jurados deram a vitória para a paraense.

PUBLICIDADE:

Veja Também

Com o resultado, Lemos amplia o bom momento na carreira. Agora, a brasileira chega ao quinto resultado positivo em sequência com as luvas da organização e avança no grupo liderada por Rose Namajunas.

Substituta de Nina Nunes, lesionada, Angela Hill não deu vida fácil para a tupiniquim. Depois de quase ser duramente nocauteada no início do confronto, a norte-americana deu show de resistência e entregou uma verdadeira batalha, assustando a paraense em alguns momentos.

PUBLICIDADE:

A luta

O confronto começou com Lemos tomando a iniciativa com dois chutes baixos. Amanda encaixou um chute frontal que entrou limpo no rosto da norte-americana, que sentiu e desabou. A brasileira tentou se aproveitar do bom momento e partiu para cima da adversária. Por baixo, Hill tentava sobreviver ao castigo imposto pela tupiniquim, que buscava o nocaute. Angela tentou se levantar, mas a brasileira ensaiou uma guilhotina. A norte-americana conseguiu ficar de pé e o embate voltou a ser disputado de pé. Hill surpreendeu e balançou a brasileira com um cruzado. O duelo passou a ser tenso, com as atletas buscando o desfecho na via rápida. O round acabou com as atletas trocando golpes próximas às grades.

Na segunda etapa, a brasileira voltou a lançar o primeiro ataque, com u chute alto. Hill seguia perigosa nos contragolpes e tocava a tupiniquim a cada golpe desferido pela paraense. Ainda nos momentos iniciais, a norte-americana partiu para a luta agarrada, mas Lemos conseguiu reverter a situação e pressionava a rival contra as grades. Depois de se testarem no clinch, as palhas se afastaram e voltaram a trocar golpes no centro do octógono. O confronto seguia equilibrado, com bons ataques lançados pelas atletas. A etapa acabou com as combatentes trocando ataques no centro do octógono.

PUBLICIDADE:

O último assalto começou movimentado, com as lutadores se testando no centro do octógono. A brasileira voltou a arriscar um chute frontal, mas o ataque entrou sem potência. Passados quase dois minutos, Amanda arriscou um chute na linha de cintura, mas a norte-americana se aproveitou do descuido da paraense, agarrou sua perna e a levou para o chão. A tupiniquim conseguiu ficar de pé, inverteu a posição e o confronto voltou a ser disputado nas grades. As combatentes se afastaram na sequência e, no minuto final, voltaram para a trocação franca. Perto de acabar o embate, a norte-americana desequilibrou a brasileira com uma cotovelada giratória. A tupiniquim absorveu o ataque o confronto acabou com as atletas se testando com golpes potentes.

PUBLICIDADE:

Belal Muhammad anula Thompson e avança nos meio-médios

B. Muhammad derrotou S. Thompson no UFC Las Vegas 45. Foto: Reprodução/Instagram

Em grande momento na carreira, Belal Muhammad ‘passeou’ na luta co-principal do show. Adversário de Stephen Thompson, o atleta anulou completamente o caratê do adversário e, apostando na luta agarrada, não teve problemas no confronto. Após três rounds de domínio completo, o combatente foi declarado vencedor na decisão unânime dos juízes.

Com o resultado, Muhammad ampliou sua grande fase. O triunfo sobre o antigo desafiante ao cinturão dos meio-médios (até 77kg.), o atleta deve chegar ao top 5 do grupo liderado por Kamaru Usman.

Sem chances no confronto, Thompson se complicou na organização. Agora, o norte-americano soma cinco tropeços nas últimas oito lutas.

Em entrevista ainda no octógono, Belal pediu alto para o próximo desafio. O atleta sugeriu uma luta pelo cinturão contra Usman ou um novo embate contra Leon Edwards.

Resultados do UFC Las Vegas 45

CARD PRINCIPAL

Peso pesado: Derrick Lewis derrotou Chris Daukaus por nocaute aos 3m36s do R1

Peso meio-médio: Belal Muhammad derrrotou Stephen Thompson na decisão unânime dos juízes (30-25, 30-26, 30-26)

Peso palha: Amanda Lemos derrotou Angela Hill na decisão divida dos juízes (28-29, 30-27, 29-28)

Peso galo: Ricky Simón derrotou Raphael Assunção por nocaute aos 2m14s do R2

Peso leve: Mateusz Gamrot derrotou Carlos Diego Ferreira por nocaute técnico aos 3m26 do R2

Peso pena: Cub Swanson derrotou Darren Elkins por nocaute técnico aos 2m12s do R1

CARD PRELIMINAR

Peso médio: Gerald Meerschaert derrotou Dustin Stoltzfus por finalização (mata-leão) aos 2m58s do R3

Peso pesado: Justin Tafa derrotou Henry Hunsucker por nocaute técnico aos 1m53s do R1

Peso mosca: Melissa Gatto derrotou Sijara Eubanks por nocaute técnico aos 45s do R3

Peso pena: Charles Jourdain derrotou Andre Ewell na decisão unânime dos juízes (30×26, 30×27, 29×27)

Peso pena: Raquel Pennington derrotou Macy Chiasson por finalização (guilhotina) aos 3m07s do R3

Peso pesado: Don’Tale Mayes derrotou Josh Parisian por nocaute técnico (cotoveladas) aos 3m26s do R3

Peso leve: Jordan Leavitt derrotou Matt Sayles por finalização (triângulo invertido) aos 2m05s do R2

Podcast #46: Aquecimento para o UFC 270 com duas disputas de cinturão + Amanda Nunes fora da ATT e Jake Paul rico