Receoso, Sean O’Malley explica ‘pé-atrás’ sobre possível luta contra Cody Garbrandt

Promessa dos galos entende que tem mais a perder do que ganhar em eventual confronto contra ex-campeão

S. O’Malley nem vitória pelo UFC. Foto: Reprodução/Twitter UFC Europe

A polêmica com Cody Garbrandt na coletiva promocional do UFC 269 não despertou em Sean O’Malley o desejo de encarar o ex-campeão. Desafiado por ‘No Love’, o jovem explicou o receio de dividir o octógono com o antigo líder dos galos (até 61,2kg.). Para ‘Sugar’, há mais a perder do que a ganhar em eventual luta.

PUBLICIDADE:

Veja Também

“Depois que Cody foi nocauteado (por Kai Kara-France, no UFC 269), fui perguntado na coletiva: ‘o que você tem a dizer?’. Eu respondi que me sentia mal por ele. Ele perdeu muitas lutas em sequência e não tenho nada de negativo para falar sobre ele. É difícil. Se eu o enfrentar e vencer, não vejo muita vantagem no momento. Ele perdeu seis das últimas sete, ou algo do tipo. Acho que ele não vence desde 2017”, disse O’Malley, em entrevista ao ‘Belive You Me’.

Aposta do UFC para o futuro dos galos, Sean não ignora a possibilidade de ser batido pelo ex-campeão. Assim, o atleta analisa o futuro em tal chance.

PUBLICIDADE:

“Se eu perder para Cody, o cara que perdeu sete das últimas oito lutas e acabou de ser nocauteado, trará muita carga negativa sobre mim. Não acho que é realista pensar nele como minha próxima luta”, encerrou.

No UFC 269, Garbrand acabou duramente batido por Kai Kara-France no confronto que marcou sua estreia no peso mosca (até 56,7kg.). Com o tropeço, o atleta atingiu a marca de cinco derrotas nas últimas seis apresentações.

PUBLICIDADE:

Pupilo do Ultimate, Sean vive um momento diferente do ex-campeão dos galos. Hoje, o jovem soma três vitórias consecutivas com as luvas da organização.

PUBLICIDADE:

Podcast #45: Volkanovksi sem desafiante e brasileiros no 1º UFC do ano