Primeiro brasileiro no octógono em 2022, Joanderson Tubarão é derrotado no UFC Las Vegas 46

Estreando na organização, o lutador brasileiro acabou perdendo na decisão unânime dos juízes

Responsável por abrir o card principal do UFC Las Vegas 46 e por ser o primeiro brasileiro a entrar no octógono em 2022, Joanderson Tubarão acabou derrotado por Bill Algeo na decisão unânime dos juízes (29-28, 30-27, 29-28) em sua estreia na organização.

PUBLICIDADE:

A derrota deste sábado (15) interrompeu uma sequência de dez vitórias do brasileiro, que não perdia uma luta desde 2015.

Do outro lado, Bill Algeo se recuperou da derrota sofrida contra Ricardo Carcacinha em maio de 2021 e tem agora duas vitórias e dois reveses na organização.

PUBLICIDADE:

A LUTA

O duelo começou movimentado, com Joanderson Tubarão deixando um swing no vazio e colocando Bill Algeo de costas na grade. O brasileiro aplicou uma boa queda, mas não conseguiu manter o norte-americano no chão. Em pé, Tubarão conseguiu erguer o adversário e cruzar o octógono com ele no ombro antes de aplicar mais uma bela queda. No chão, o brasileiro rapidamente pegou as costas do rival e atacou com um mata-leão, defendido por Algeo. Após mais uma tentativa de mata-leão de Tubarão, o norte-americano conseguiu uma ótima reversão e ficou por cima no solo. De costas no chão, o brasileiro neutralizou bem os golpes de Algeo, explodiu e conseguiu ficar novamente em pé.

No início do segundo assalto os dois atletas partiram para a trocação franca. O norte-americano conectou um duro cruzado no rosto de Joanderson, que sentiu, mas continuou em pé. O brasileiro partiu então para a tentativa de queda, mas Algeo defendeu bem. De volta ao centro do octógono, os dois voltaram para trocação franca. Tubarão encaixou uma boa sequência de socos, mas optou por entrar em queda novamente e acabou ficando em posição de desvantagem no solo. O brasileiro voltou a ficar em pé e se desvencilhar do clinch do norte-americano. Novamente no centro do cage, Tubarão conseguiu mais uma sequência de jab e direto antes de voltarem ao clinch.

PUBLICIDADE:

No início do terceiro assalto, Tubarão repetiu a fórmula de conectar boa sequência de socos e partir para o clinch, mas rapidamente soltou a pegada. O brasileiro continuou apostando nas combinações de boxe. Após tentativa frustrada de um soco giratório por parte do brasileiro, Bill Algeo saiu do raio de ação e aproveitou para provocar Tubarão. Na reta final da luta, Algeo conseguiu uma linda queda e sacramentou a vitória.

PUBLICIDADE:

Jamie Pickett bate Joseph Holmes no encerramento do card preliminar

J. Pickett superou J. Holmes no UFC Las Vegas 46 (Foto: Instagram/UFC)

O encerramento do card preliminar do UFC Las Vegas 46 seguiu a tendência das lutas anteriores. Em mais um duelo morno, válido pela divisão dos médios (até 83,9 kg), Jamie Pickett bateu Joseph Holmes na decisão unânime dos juízes (29-28,29-28,29-28).

O triunfo deste sábado foi o segundo consecutivo de Jamie Pickett no UFC. O lutador de 33 anos tem agora duas vitórias e duas derrotas na organização.

Joseph Holmes, por outro lado, estreou com derrota no octógono do Ultimate. O resultado interrompeu uma sequência de sete vitórias do atleta.

Veterano Court McGee domina e vence Ramiz Brahimaj na decisão

C. McGee bateu R. Brahimaj no UFC Las Vegas 46 (Foto: Instagram/UFC)

A terceira luta do UFC Las Vegas 36, válida pelos meio-médios (até 77 kg), foi um monólogo. Em luta morna, Court McGee dominou Ramiz Brahimaj e venceu na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 30-27). O veterano chegou a aplicar um knockdown nos últimos segundos do primeiro assalto, mas foi principalmente no jogo de quedas que garantiu a vitória ao longo dos três rounds.

No UFC desde 2010, Court McGee vive um momento de recuperação na organização. Após perder três seguidas entre 2019 e 2020, o campeão da décima primeira edição do The Ultimate Fighter tem agora duas vitórias consecutivas.

Ramiz Brahimaj, que vinha de vitória sofre Sasha Palatnikov em agosto de 2021, tem agora duas derrotas e um único triunfo no octógono do Ultimate.

Brian Kelleher bate Kevin Croom por decisão unânime na segunda luta da noite

B. Kelleher derrotou K. Croom no UFC Las Vegas 46 (Foto: Instagram/UFC)

Na segunda luta do card preliminar, válida pelo peso pena (até 65,7 kg), Brian Kelleher não tomou conhecimento de Kevin Croom e saiu com a vitória na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 29-28). O veterano usou e abusou do jogo de quedas, dominou o oponente no solo e fez o suficiente para vencer sem sustos.

A vitória sobre Kevin Croom foi a segunda consecutiva de Brian Kelleher, que tem agora sete triunfos e cinco derrotas desde que estreou no UFC, em 2017.

Por outro lado, Croom, que aceitou a luta restando três dias para o evento, segue sem vencer na organização. O atleta de 34 anos, que estreou com um “No Contest” em 2020, tem agora duas derrotas consecutivas no octógono.

TJ Brown bate Charles Rosa na primeira luta do UFC no ano

T. Brown derrotou C. Rosa no UFC Las Vegas 46 (Foto: Instagram/UFC)

Na primeira luta do UFC Las Vegas 46, que foi também a primeira do ano do Ultimate, TJ Brown derrotou Charles Rosa na decisão unânime dos juízes (29-28, 29-28, 29-28). Faixas-pretas de jiu-jitsu, os dois pesos leves (até 70,3 kg) apostaram principalmente na luta de solo, proporcionando um duelo com muita movimentação, técnica e raspagens de ambos os lados, mas com superioridade de TJ Brown.

A vitória foi a segunda consecutiva de TJ Brown, que se recuperou do início de trajetória ruim no UFC e tem agora dois triunfos e duas derrotas na organização.

Charles Rosa, que aceitou a luta restando apenas três dias para o evento, sofreu pela primeira vez duas derrotas consecutivas no octógono. O atleta de 35 anos vinha alternando vitórias e derrotas desde que estreou no UFC, em 2014.

Podcast #63: Blachowicz merece enfrentar Glover pelo cinturão do UFC? Lyoto perde no Bellator e se complica