Ben Askren garante que deixaria aposentadoria por ‘adversário fácil’ e revela qual seria o escolhido

Fora de ação desde o fim de 2019, ex-campeão do Bellator e ONE Championship afirma que poderia superar Nate Diaz em luta de MMA

B. Askren está aposentado do MMA desde 2019. Foto: Reprodução/YouTube ESPN MMA

Aposentado do MMA desde outubro de 2019, Ben Askren afirmou que voltaria a competir profissionalmente contra o ‘adversário certo’. Em tom de provocação, o ex-campeão do Bellator e ONE Championship sugeriu que teria ‘vida fácil’ em eventual luta contra Nate Diaz, estrela do UFC. Em entrevista ao ‘MMA Island’, o veterano falou sobre um retorno utópico.

PUBLICIDADE:

Veja Também

Marcelo Dourado

“Se fossem me dar uma luta fácil (Nate Diaz), eu aceitaria. Venho de três derrotas. Voltaria por essa”, disse o veterano.

Contratado pelo Ultimate para fazer frente ao meio-médio (até 77kg.) da organização, Askren não conseguiu render o esperado dentro da empresa. Ao todo, o atleta subiu no octógono em três ocasiões.

PUBLICIDADE:

Em sua estreia, realizada em março de 2019, Ben teve resultado positivo diante de Robbie Lawler, em confronto equilibrado. Na sequência, o veterano amargou dois tropeços em sequência – um deles de forma trágica.

O lutador ficou marcado por sofrer o nocaute mais rápido na história do UFC. A situação aconteceu diante de Jorge Masvidal, quando acabou apagado em apenas cinco segundos de confronto.

PUBLICIDADE:

A tentativa de recuperação também foi frustrada. Diante de Demian Maia, Askren sofreu nova derrota, desta vez, por finalização. Com a nova decepção, o norte-americano decidiu que era hora de pendurar as luvas.

PUBLICIDADE:

Disposto a alavancar seu nome nas artes marciais novamente, Ben decidiu voltar a competir em 2021. Com títulos mundiais de MMA em seu currículo, o veterano aceitou o desafio de encarar o youtuber Jake Paul em uma superluta de boxe. Representando a comunidade das artes marciais mistas, o norte-americano novamente falhou, e acabou duramente nocauteado pelo influenciador digital.

Com três derrotas em sequência, Askren passou a se dedicar a dar aulas de wrestling. Hoje, o atleta está com 37 anos.

Podcast #68: Adesanya, Poatan e Volkanovski: Tudo sobre o UFC 276