AO VIVO

Acompanhe a PFL 5 2022, com esquadrão brasileiro em ação

VÍDEO: Assista e relembre os melhores nocautes do mês de março

Fechando o terceiro mês de 2022, o SUPER LUTAS lembra o leitor dos principais nocautes que aconteceram no mundo das artes marciais mistas

L. Dread foi brutalmente nocauteada por M. McCann no UFC Londres. Foto: Reprodução/Instagram

O mês de março ficou para trás e os eventos do Ultimate ocorridos nesse período já ficaram nos livros de história. Trazendo uma pequena ‘retrospectiva’ para o leitor, o SUPER LUTAS relembra os principais nocautes que aconteceram nos shows realizados no terceiro mês do ano de 2022.

PUBLICIDADE:

LEIA MAIS: Ex-campeões presos e briga em restaurante: as maiores polêmicas de março no mundo das lutas

Veja Também

Molly McCann x Luana Dread – UFC Londres

O segundo confronto do card principal do UFC Londres já estava longe de ser equilibrado. A inglesa Molly McCann dominava a brasileira na luta em pé e encaminhava de forma tranquila a sua vitória na decisão unânime dos juízes. Até que, quando faltavam pouco menos de dois minutos para o encerramento do confronto, a atleta local acertou uma espetacular cotovelada giratória que nocauteou imediatamente a brasileira. O público presente na O2 Arena foi à loucura.

PUBLICIDADE:

Ilia Topuria x Jai Herbert – UFC Londres

I. Topuria (esq.) derrotou J. Herbert (dir.) no UFC Londres. Foto: Reprodução/Instagram

Antes do nocaute espetacular de Molly McCann sobre Luana Dread, outra vitória pela via rápida agitou o público presente na O2 Arena. O prospecto georgiano da divisão dos leves teve um início mais lento contra o inglês Jai Herbert, mas voltou para o segundo round com tudo e após uma intensa blitz, acertou um lindo cruzado que levou o lutador inglês à lona imedidatamente.

PUBLICIDADE:

PUBLICIDADE:

Chris Gutierrez x Batgerel Danaa – UFC Columbus

C. Gutierrez nocauteou D. Batgerel no segundo round com um soco rodado. Foto: Reprodução/Instagram @ufc

O card preliminar do UFC Columbus mostrou aos fãs de MMA que a cotovela giratória ficou em moda nos eventos do Ultimate do mês de março. O peso galo (até 61,2kg) Chris Gutierrez enfrentava Batgerel Danna quando, após uma aproximação do seu rival, acertou o raro golpe em cheio no rosto do seu oponente. O norte-americano ainda acertou mais alguns socos e cotoveladas no seu adversário caído, até a interrupção do árbitro central.

 

Podcast #67: Durinho fez o pix para Yanex após nocaute em lutador que falou mal do Brasil + UFC Austin: card do ano