Ex-campeões presos e briga em restaurante: as maiores polêmicas de março no mundo das lutas

Terceiro mês do ano teve desenrolar da prisão de Cain Velasquez, além de Conor McGregor e Jorge Masvidal também detidos

C. Velasquex, J. Masvidal e C. McGregor foram presos recentemente (Foto: Montagem/SUPER LUTAS)

O mês de março apresentou aos fãs de MMA grandes eventos, lutas, nocautes e finalizações, mas também não passou sem sua dose de polêmicas. Neste último dia do mês, o SUPER LUTAS relembra três casos que extrapolaram as manchetes esportivas e acabaram nas páginas policiais.

PUBLICIDADE:

Veja Também

O Caso Cain Velasquez

C. Velasquez está preso por tentativa de homicídio (Foto: Reprodução/Facebook Cain Velasquez)

A primeira grande polêmica de março teve início no último dia de fevereiro, mas se prolongou ao longo deste mês. No dia 28 de fevereiro, Cain Velasquez foi preso na Califórnia (Estados Unidos). As primeiras informações apontavam que o ex-campeão havia se envolvido em um tiroteio que deixou um homem ferido.

PUBLICIDADE:

Nos dias seguintes, foi revelado que Cain Velasquez havia sido, na verdade, detido por tentativa de homicídio contra um homem acusado de molestar mais de 100 vezes uma familiar do lutador, que teve a identidade preservada por se tratar de uma criança. No incidente, o ex-campeão acabou atingindo o sogro do suposto abusador, que foi internado sem risco de morte.

Apesar da mobilização de diversas personalidades do mundo das lutas a favor de sua liberação, o ex-campeão dos pesados do UFC teve o pedido de fiança negado e continua preso.

PUBLICIDADE:

Saiba mais sobre o caso aqui, aqui, aqui e aqui.

PUBLICIDADE:

Briga entre Jorge Masvidal e Colby Covington termina em prisão

J. Masvidal foi preso por agressão a C. Covington (Foto: Divulgação)

Dando sequência à lista, a famosa rivalidade entre Colby Covington e Jorge Masvidal atingiu outro patamar. Semanas após fazerem um duelo morno na luta principal do UFC 272, no dia 5 de março, os rivais protagonizaram cenas lamentáveis em um restaurante de Miami, nos Estados Unidos.

Usando uma máscara e um capuz, Jorge Masvidal surpreendeu Colby Covington e atacou o rival dentro do restaurante “Papi Steak”, em Miami Beach. O dono do cinturão “BMF” do Ultimate quebrou um dente e fraturou uma costela do ex-campeão interino dos meio-médios na confusão, mas acabou preso após Covington prestar queixas à polícia. O lutador foi posteriormente liberado após pagamento de fiança.

Saiba mais sobre a polêmica aqui, aqui, aqui e aqui.

Em mais uma polêmica para a coleção, Conor McGregor é preso e tem carro apreendido

C. McGregor é preso após suposta direção perigosa na Irlanda. Foto: Reprodução/Instagram @thenotoriousmma

Nada alheio a polêmicas ao longo da carreira, Conor McGregor adicionou mais uma para sua enorme coleção neste mês. Ex-campeão dos penas (até 65,7 kg) e dos leves (até 70,3 kg), o irlandês foi detido por direção perigosa no dia 22 de maio na região oeste da Irlanda.

Conor McGregor foi detido após dirigir acima da velocidade permitida, mas logo liberado após pagamento de fiança. Além de ser preso, o ex-campeão teve seu carro, um Bentley Continental GT, estimado em US$ 187 mil (cerca de R$ 900 mil), apreendido.

Saiba mais sobre o caso aqui e aqui.

Podcast #68: Adesanya, Poatan e Volkanovski: Tudo sobre o UFC 276