Evento da PFL vira alvo de investigação após polêmica em casa de apostas; entenda o caso

Edição gravada do ‘Challenger Series’ exibida de forma inédita em em 1º de abril levanta suspeitas após alta adesão em resultados específicos

Decágono montado da PFL. Foto: Reprodução/Instagram

A última edição do ‘Challenger Series’, projeto da PFL (Professional Fighters League) para revelar novos talentos para a empresa, levantou uma grande polêmica. O evento, que foi ao ar em 1º de abril, se tornou alvo de investigação depois de análises de atividades suspeitas em movimentações em casas de apostas. A informação foi divulgada pela ‘ESPN’.

PUBLICIDADE:

Veja Também

De acordo com o site, os problemas teriam começado depois da notícia de que o último episódio do ‘Challenger Series’ foi um evento gravado em 25 de março. Com isso, houve movimentações em casas de apostas realizadas momentos antes do show.

O incidente levantou suspeitas de vazamentos de informações sobre alguns resultados, fazendo com que alguns clientes dos serviços de apostas tivessem suas contas bloqueadas. Antes do espetáculo, inclusive, teriam acontecido alterações em palpites de confrontos, que vieram a se concretizar em vantagem aos apostadores.

PUBLICIDADE:

Um dos representantes da PFL, Loren Mack se manifestou sobre a situação. Em comunicado à ‘ESPN’, o profissional admitiu que o episódio não se tratava de uma transmissão ao vivo. O funcionário, porém, garantiu que os serviços de apostas disponíveis atuaram sem a autorização da organização, sendo, de acordo com Mack, ilegais.

Os órgãos reguladores de casas de apostas dos Estados Unidos trabalham para entregar um desfecho à situação. Ainda não há uma posição sobre o que acontecerá sobre o caso específico.

PUBLICIDADE:

A confusão acontece a poucas semanas do início da temporada 2022 da Professional Fighters League. A companhia inicia seus eventos em 20 de abril. O show contará com a presença de nomes como Raush Manfio, Antônio Cara de Sapato e Natan Schulte, brasileiros consagrados na organização.

PUBLICIDADE:

Podcast #67: Durinho fez o pix para Yanex após nocaute em lutador que falou mal do Brasil + UFC Austin: card do ano