Técnico ‘reza’ por luta contra Cruz e diz que título interino faz Barão perder dinheiro

Dedé Pederneiras também questionou o tempo dado ao campeão linear para sua recuperação

Dedé Pederneiras (foto) espera luta entre Barão e Cruz aconteça em fevereiro. Foto: Reprodução/Facebook

Dedé Pederneiras (foto) espera luta entre Barão e Cruz aconteça em fevereiro. Foto: Reprodução/Facebook

Há cerca de um ano e meio como campeão interino dos pesos galos do Ultimate, Renan Barão vive uma situação, no mínimo, curiosa. Embora detenha um cinturão da principal organização de MMA do planeta, algo que é um sonho para qualquer atleta profissional, o brasileiro começa a experimentar o lado negativo da espera por uma chance pelo título linear, atualmente em posse do contundido Dominck Cruz. Em entrevista ao site “MMA Junkie”, o treinador de Barão Dedé Pederneiras revelou que o lutador tem perdido dinheiro com a situação.

“Ele está muito frustrado porque ele precisa ganhar dinheiro. Aqui no Brasil, muitos empresários estão deixando de patrociná-lo porque ele não é oficialmente o campeão linear do UFC. Ele é o interino. Acaba perdendo dinheiro diariamente”, disse Pederneiras. O técnico ainda afirmou que aguarda ansiosamente por um duelo contra Cruz. “Eu não quero outro adversário. Quero que essa luta aconteça em fevereiro ou então, vou ter que conversar com Dana White para pegar o cinturão dele. Porque dois anos e meio? Eu não entendo. Mas ele disse que provavelmente estará lutando em fevereiro. Vamos ver. Estou esperando e rezando todo dia para que isso aconteça. Renan quer lutar com Dominick”, finalizou.

Sem atuar desde outubro de 2011, Dominick Cruz sofreu uma grave lesão em maio do ano passado, durante sua preparação para a luta contra Urijah Faber. Com a impossibilidade de atuar do campeão linear, um cinturão interino foi posto em jogo pelo Ultimate. Renan Barão conquistou o título em julho de 2012 e desde então já o defendeu por duas vezes, contra Michael McDonald e Eddie Wineland. Invicto desde sua segunda luta como profissional, em 2005, o brasileiro possui um cartel de 31 vitórias, uma derrotas e um combate sem resultado. Atualmente, Barão é o sexto colocado no ranking peso por peso do UFC.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments