‘Novo McGregor’, Paddy Pimblett relata episódios de violência na final da Champions League: ‘temi pela minha segurança’

Torcedor do Liverpool, a sensação do UFC esteve no Stade de France no último sábado (28) e relatou assaltos à mão armada na saída do estádio

P. Pimblett (foto) retorna ao octógono no próximo UFC Londres. Foto: Reprodução / Twitter @UFCEurope

No último sábado (28), o Real Madrid conquistou seu 14º título de Champions League ao derrotar o Liverpool por 1 a 0. Se dentro de campo prevaleceu a festa dos espanhóis, do lado de fora do Stade de France o que chamou a atenção foram cenas de confusão e violência, tanto antes, quanto após o jogo. Cenas capazes de colocar medo até mesmo em um lutador do UFC.

PUBLICIDADE:

Torcedor do Liverpool, o peso leve (até 70,3 kg) Paddy Pimblett relatou as cenas de violência que presenciou na saída do estádio, envolvendo grupos de homens armados com facões, e admitiu ter temido pela própria segurança.

Veja Também

“Primeira vez em muito tempo que eu realmente me preocupei pela minha própria segurança, mesmo sabendo me cuidar! É diferente quando têm grupos de 30 homens correndo por aí empunhando facões, roubando as pessoas e espancando idosos inofensivos”, escreveu Pimblett em rede social.

PUBLICIDADE:

Ao compartilhar um vídeo de um torcedor sendo agredido e roubado por um grande grupo de homens, Pimblett afirmou que os torcedores não têm culpa do ocorrido e apontou homens mais velhos como principais vítimas da violência.

PUBLICIDADE:

“Torcedores de Madrid e Liverpool não têm culpa de nada que ocorreu no sábado. Essas foram as cenas que eu presenciei quando saí do estádio. Em geral, medo de ser atacado por 20 homens armados. Felizmente ficamos agrupados e eles não chegaram perto de nós. Escolheram apenas homens velhos, sozinhos e vulneráveis”, escreveu.

PUBLICIDADE:

Podcast #67: Durinho fez o pix para Yanex após nocaute em lutador que falou mal do Brasil + UFC Austin: card do ano