Destaque do peso galo acusa diretoria do UFC de ‘seguir protegendo’ Sean O’Malley de grandes desafios na divisão

Marlon Vera sugere que companhia ‘esconde’ jovem promessa de rivais perigosos; ‘Sugar’ enfrenta Pedro Munhoz em 2 de julho

M. Vera aplica nocaute em S. O’Malley no UFC 252. Foto: Reprodução/Instagram

Destaque no peso galo (até 61,2kg.) do Ultimate, Marlon Vera decidiu criticar o tratamento da organização com Sean O’Malley. Algoz da jovem promessa da empresa em 2020, o equatoriano sugere que o companheiro de categoria vem sendo ‘protegido’ de grandes desafios na organização. ‘Sugar’ tem luta marcada e enfrenta Pedro Munhoz no UFC 276.

PUBLICIDADE:

“O UFC não conseguiu encontrar uma luta melhor para O’Malley no top 10. Acharam o menor cara menor, com o alcance mais curto. Tudo é para beneficiar ‘Sugar’, porque, mesmo que ele perca, vai encontrar uma desculpa”, afirmou Vera, em entrevista ao ‘Food Truck Diaries’.

Veja Também

Embora tenha tornado pública sua opinião sobre a forma com que Sean é tratado pelo Ultimate, o equatoriano revela não se importar com a situação. O lutador, porém, faz questão de lembrar o episódio em que tirou a invencibilidade do pupilo da companhia.

PUBLICIDADE:

“Eu o venci. Quando as pessoas falam sobre isso comigo, digo: ‘não preciso disso. Não procuro ‘hype’, não procuro mais seguidores. Não dou a mínima’. Estou ganhando meu dinheiro, crescendo e vou atrás do cinturão. Não vou atrás do ‘hype’. Não estou procurando ser legal, porque sei que sou legal, engraçado, não preciso perseguir isso. Quando você se esforça demais, não consegue”, encerrou.

Atual número cinco no ranking liderado por Aljamain Sterling, Marlon vive grande fase no UFC. O equatoriano soma três triunfos consecutivos e tem embate encaminhado contra Dominick Cruz para 13 de agosto.

PUBLICIDADE:

Criticado por Vera, Sean busca seguir a escalada rumo ao topo do peso galo. Hoje, o norte-americano é o 13º da divisão. Caso supere Pedro Munhoz, o combatente pode assumir a 10ª posição.

PUBLICIDADE:

Podcast #68: Adesanya, Poatan e Volkanovski: Tudo sobre o UFC 276