Daniel Cormier defende Israel Adesanya após críticas por atuação no UFC 276: ‘Foi inteligente’

'DC' afirma que nigeriano fez luta estratégica e dominou Jared Cannonier na luta principal da noite

D. Cormier é um dos principais comentaristas do UFC. Foto: Reprodução/Instagram)

Daniel Cormier usou seu programa ‘DC & RC’ na ESPN para defender Israel Adesanya de críticas que o nigeriano vem recebendo por seu desempenho no combate contra Jared Cannonier no UFC 276 do último sábado (2). O norte-americano afirmou que o atleta venceu todos os rounds, fez uma luta inteligente e não merece as recentes opiniões negativas.

PUBLICIDADE:

“Achei que ele (Adesanya) lutou bem. Foi inteligente e dominou a luta. Ele venceu quatro rounds a um em ambos os cartões (dos juízes) e, em seguida, o outro cartão, que foi de cinco rounds a zero. O que mais você pode querer de um cara defendendo seu cinturão, mas vencendo todos os rounds? O problema é que, quando você se torna um cara como Israel – Anderson Silva e Jon Jones passaram pela mesma coisa – você se torna tão dominante que essas performances dominantes se tornam um pouco sem brilho”, disse Cormier.

Veja Também

Adesanya foi criticado por sua passividade na luta com Cannonier. Com jogo estratégico, o campeão adotou cautela e contragolpeou as tentativas do norte-americano para manter o cinturão na decisão unânime dos juízes. Ele, no entanto, foi vaiado pelo público presente na T-Mobile Arena.

PUBLICIDADE:

Aos 32 anos, Israel chegou em sua quinta defesa de cinturão dos médios (até 83,9kg.) e, na história da categoria, está atrás apenas de Anderson Silva. Profissional desde 2015, ele soma 23 resultados positivos e um negativo.

Podcast #74: O Adeus trágico a Leandro Lo +Derrotas brasileiras no UFC Vegas 59



Resultados do UFC San Diego Resultados da PFL 8 2022 Principais destaques do UFC San Diego Principais destaques da PFL 8 2022 Ranking dos meio-pesados do UFC