Amanda Nunes atropela holandesa e conquista segunda vitória no UFC

Lutadora baiana dominou Germaine de Randamie e nocauteou a rival no primeiro round

A. Nunes (foto) foi a primeira mulher brasileira a conquistar uma vitória no UFC. Foto: Josh Hedges/UFC

A. Nunes (foto) emplaca segunda vitória no octógono do UFC. Foto: Josh Hedges/UFC

A brasileira Amanda Nunes mostrou que pode dar muito trabalho na divisão peso galo feminina do Ultimate. Em menos de quatro minutos de luta ela nocauteou Germaine de Randamie no primeiro round e emplacou sua segunda vitória no octógono. O combate aconteceu no card preliminar do UFC Fight for the Troops 3,  também chamado de UFC Fight Night 31, evento realizado nesta noite (06), em Fort Campbell, nos Estados Unidos.

Assim que a luta começou, a atleta baiana tentou surpreender a rival com um belo chute rodado, mas a holandesa conseguiu se esquivar e sair do golpe.

Porém, assim que Randamie tentou colocar sua perigosa trocação em prática, Amanda encurtou a distância e logo atacou as pernas para conseguir a queda. No solo, a brasileira dominou a luta. Ela logo chegou a montada e começou a desferir várias cotoveladas até o árbitro Herb Dean interromper a disputa aos 3m:56s de combate e decretar o nocaute técnico.

O triunfo marcou a segunda vitória em duas lutas de Amanda Nunes no UFC. Agora, a baiana soma nove triunfos e três derrotas no MMA.

Confira abaixo os resultados do card preliminar do UFC Fight for the Troops 3

Francisco Rivera derrotou George Roop por nocaute técnico no R2;

Dennis Bermudez derrotou Steven Siler na decisão unânime dos juízes;

Amanda Nunes derrotou Germaine de Randamie por nocaute técnico no R1;

Lorenz Larkin derrotou Chris Camozzi  na decisão unânime dos juízes;

Yancy Medeiros derrotou Yves Edwards por nocaute no R1;

Seth Baczynski derrotou Neil Magny na decisão unânime dos juízes;

Derek Brunson finalizou Brian Houston com um mata-leão no R1;

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments