IMAGEM FORTE: Promessa do UFC revela drama com infecção grave que quase o tirou da luta

Mohammad Mokaev venceu Alex Perez no UFC Las Vegas 87 após enfrentar quatro infecções por estafilococos nas semanas anteriores ao combate

Mohammad Mokaev está invicto no UFC. Foto: Reprodução/Instagram @mokaev_muhammad

Mohammad Mokaev está invicto no UFC. Foto: Reprodução/Instagram @mokaev_muhammad

Mohammad Mokaev não se deixou abalar pelas dificuldades que enfrentou antes de sua última luta no UFC Las Vegas 87, no último sábado (2). O peso mosca (até 56,7kg.), que venceu Alex Perez por decisão unânime, revelou que teve quatro infecções por estafilococos nas semanas anteriores ao combate, o que prejudicou sua preparação e seu desempenho.

Estafilococos são bactérias que podem causar infecções na pele, nos ossos, nas articulações e em outros órgãos. Os lutadores de MMA estão mais expostos a esse tipo de infecção, devido ao contato físico intenso, às lesões cutâneas frequentes e às condições de higiene nem sempre adequadas nas academias.

PUBLICIDADE:

Veja Também

Nurmagomedov em vitória no UFC. Foto: Reprodução/Instagram/@ufc
Alex Poatan após vitória no UFC. Foto: Reprodução/Instagram
Jake Paul venceu mais uma no boxe. Foto: Reprodução/Instagram/jakepaul

Um caso recente de infecção por estafilococos que chamou a atenção foi o do brasileiro Paulo Borrachinha, que teve que se afastar do UFC e até internações por conta da doença.

Mokaev, que tem um cartel invicto de 12 vitórias e uma luta sem resultado, disse que teve que tomar antibióticos, que afetaram seu sistema imunológico e sua recuperação. Em seu perfil no ‘X’ (antigo Twitter), ele desabafou sobre as críticas que recebeu nas redes sociais.

PUBLICIDADE:

“Para mim o mais importante era ganhar peso. 4 infecções por estafilococos 3 semanas antes. Antibióticos mataram meu sistema imunológico. Vejo alguns haters falando merda sobre meu desempenho, mas vocês não veem o que nós, lutadores, estamos passando!”, escreveu.

Apesar das adversidades, Mokaev mostrou que é um dos nomes mais promissores da divisão dos moscas e pode desafiar Alexandre Pantoja no UFC 301, no Rio de Janeiro. O inglês, de 23 anos, sonha em se tornar o campeão mais jovem da história do UFC, superando o recorde de Jon Jones, que conquistou o título dos meio-pesados aos 23 anos e 8 meses.

PUBLICIDADE:

Leia Mais sobre: , , , ,


Resultados do UFC 300 Resultados do UFC Las Vegas 90 Resultados do UFC Atlantic City Resultados do UFC Las Vegas 89 Resultados do UFC Las Vegas 88