Confira 10 motivos para assistir o UFC 300 com Alex Poatan e Charles do Bronx

Equipe do SUPER LUTAS lista razões para acompanhar evento estrelado liderado por Alex Poatan, Jamahal Hill e Charles do Bronx

Alex Poatan (esq.) e Charles do Bronx (dir.) são destaques no UFC 300. Foto: Montagem SUPER LUTAS

Chegou o grande momento. Neste sábado (13), o Ultimate entra para a história do MMA ao promover o UFC 300. Com palco em Las Vegas (EUA), a consagrada ‘T-Mobile Arena’ recebe um card estrelado, que conta com verdadeiras referências do esporte. Alex Poatan e Charles do Bronx são dois dos 26 astros que sobem no octógono neste fim de semana.

Campeão nos meio-pesados (até 93kg.) do UFC, Alex Poatan mede forças com Jamahal Hill, antigo detentor do título e algoz de seu mentor, Glover Teixeira, em 2023. Enquanto o brasileiro tenta manter o reinado, o norte-americano busca reaver o cinturão do qual abriu mão depois de sofrer grave lesão no início de 2023.

PUBLICIDADE:

Veja Também

T-MOBILE Arena UFC 300
Charles do Bronx é uma das estrelas brasileiras no UFC. Foto: Reprodução/Instagram

Outra disputa de título acontece na luta co-principal do card. Rainha das palhas (até 52,1kg.), Weili Zhang encara Yan Xiaonan.

O cinturão ‘BMF’ também estará em jogo no UFC 300. Atual detentor do cinturão simbólico, Justin Gaethje põe o posto de ‘Mais Casca-Grossa do MMA’ em jogo contra o lendário Max Holloway.

PUBLICIDADE:

Também no card principal, Charles do Bronx realiza sua primeira apresentação em 2024. Vindo de vitória avassaladora contra Beneil Dariush, o ex-campeão dos leves (até 70,3kg.) divide o octógono com Arman Tsarukyan, em embate que pode definir o próximo desafiante ao trono de Islam Makhachev.

Além de Poatan e Do Bronx, o Brasil conta com mais cinco representantes na primeira metade do evento. Diego Lopes, Renato Moicano, Jéssica Bate-Estaca, Marina Rodriguez e Deiveson Figueiredo têm desafios importantes no show.

Para entrar no clima do emblemático UFC 300, a equipe do SUPER LUTAS listou 10 motivos para se assistir o card. Confira:

1) Alex Poatan x Jamahal Hill: a hora da verdade

Alex Patan (esq.) e Jamahal Hill (dir.) em encarada. Foto: Reprodução/Instagram

Neste sábado, Alex Poatan tem a chance de somar a primeira defesa de cinturão em sua trajetória no UFC. Apesar da ascensão meteórica que rendeu o título dos médios (até 83,9kg.) diante de Israel Adesanya em 2022, o brasileiro não teve êxito na tentativa de manter o título da antiga divisão.

Agora, como campeão dos meio-pesados, o paulista busca se manter no topo absoluto, além de ter verdadeiro acerto de contas com Jamahal Hill. Carrasco dos brasileiros no UFC, o norte-americano acumula vitórias seguidas diante de Johnny Walker, Thiago Marreta e o mentor de Poatan, Glover Teixeira.

Caso vença, Alex dará passo importante rumo ao status de lenda do MMA. Hoje, o atleta é o único homem de seu país a ter conquistado dois cinturões em categorias diferentes na empresa.

2) Charles do Bronx x Arman Tsarukyan: na caça do trono

Charles do Bronx (esq.) encara Arman Tsarukyan (dir.) no UFC 300. Foto: Reprodução/Instagram

Um dos grandes astros brasileiros na história recente do MMA, Charles do Bronx tem novo compromisso de peso em sua carreira. Disposto a recuperar o título dos leves, perdido de forma polêmica em 2022, o paulista encara uma aposta para o futuro do Ultimate.

Diante de Arman Tsarukyan, o atleta tenta somar a segunda vitória consecutiva, desde o revés amargo contra Islam Makhachev no fatídico UFC 280. Atrás apenas do campeão no ranking da categoria, o paulista pode dar passo importante rumo a uma revanche contra a estrela russa.

Do outro lado, o rival de Charles tenta chegar à primeira disputa de título em sua trajetória na empresa. O lutador chega ao compromisso embalado por vitória avassaladora sobre Beneil Dariush.

3) Justin Gaethje x Max Holloway: o ‘Mais Casca-Grossa’

Justin Gaethje (esq.) e e Max Holloway (dir.) em encarada. Foto: Reprodução/Instagram

Detentor do título ‘BMF’, Justin Gaethje conquistou o posto de ‘Mais Casca-Grossa’ do MMA ao brutalizar Dustin Poirier em 2023. Com o título simbólico em jogo, o norte-americano enfrenta Max Holloway, lenda do peso pena (até 65,7kg.), que se testa entre os leves.

A expectativa é que o confronto seja marcado pela emoção. Os protagonistas da disputa são famosos mundialmente por entregarem grandes apresentações aos fãs.

4) Weili Zhang x Yan Xiaonan: pelo trono dos palhas

Weili Zhang (esq.) e Yan Xiaonan (dir.) em encerada. Foto: Reprodução/Instagram

Em seu segundo reinado no peso palha, Weili Zhang entra para os livros de história do MMA neste fim de semana. Além de ser destaque em um card épico, a combatente está inserida na primeira disputa de cinturão entre chinesas no Ultimate.

Referência na categoria, Yan Xiaonan foi a atleta escolhida para tentar encerrar o reinado de Zhang. Para conquistar o posto de desafiante, a lutadora somou vitórias sobre Mackenzie Dern e Jéssica Bate-Estaca.

5) Kayla Harrison estreia no UFC

Kayla Harrison faz estreia no UFC 300. Foto: Reprodução/Instagram

Bicampeã olímpica no judô e duas vezes vencedora do torneio milionário da PFL, Kayla Harrison, enfim, realiza sua estreia no UFC. Contratada pela empresa no início de 2023, a norte-americana quer provar que pode competir de igual para igual com as melhores atletas do mundo.

Para seu primeiro compromisso, uma lenda foi escalada para tentar ‘estragar sua festa’. A combatente mede forças com Holly Holm, responsável por encerrar de forma emblemática o reinado de Ronda Rousey em 2015.

Caso vença, Harrison pode ocupar lugar no top 5 do peso galo (até 61,2kg.). O feito aproxima a lutadora de um confronto pelo título, hoje, em posse de Raquel Pennington.

6) Diego Lopes e o acesso ao top 15

Diego Lopes celebra vitória no UFC. Foto: Reprodução/Twitter @UFCEspanol

Diego Lopes celebra vitória no UFC. Foto: Reprodução/Twitter @UFCEspanol

Novo xodó da torcida brasileira, Diego Lopes tem causado boa impressão com performances empolgantes no peso pena da empresa. Com duas vitórias seguidas na vida rápida, ambas no primeiro round, o lutador tem oportunidade ‘de ouro’ no fim de semana.

Fora do top 15, o atleta medirá forças com Sodiq Yusuff, número 13 da categoria. Se vencer, o combatente chega à elite da divisão liderada por Ilia Topuria.

7) Deiveson Figueiredo x Cody Garbrandt: encontro de ex-campeões

Deiveson Figueiredo (esq.) encara Cody Garbrandt (dir.). Foto: Reprodução/Instagram

Antigo campeão dos moscas (até 56,7kg.), Deiveson Figueiredo vive nova fase na carreira. Depois de estrear no peso galo com performance imponente diante do experiente Rob Font, o ‘Deus da Guerra’ quer mais.

Escalado no confronto que abre o card preliminar, Figueiredo divide o octógono com Cody Garbrandt, antigo líder do grupo. Caso vença, o paraense garantiu que pedirá luta pelo título imediata ao UFC.

8) Jessica Bate-Estaca x Marina Rodriguez: desafio brazuca

Jéssica Bate-Estaca (esq.) em encarada com Marina Rodriguez (dir.). Foto: Reprodução/Instagram

No card preliminar, também acontece um desafio entre brasileiras. Antiga rainha dos palhas, Jéssica Bate-Estaca enfrentará Marina Rodriguez em desafio que promete emoção.

Enquanto a ex-campeã busca se aproximar de nova luta pelo cinturão, a gaúcha tenta chegar à condição inédita desde sua estreia na companhia. As duas, hoje, ocupam posto de destaque no top 10 do grupo liderado por Weili Zhang.

9) Renato Moicano e a escalada no peso leve

Renato Moicano em vitória no UFC. Foto: Reprodução / Facebook @ufc

Renato Moicano em vitória no UFC. Foto: Reprodução / Facebook @ufc

O ‘Home que Quer Dinheiro’, Renato Moicano busca mais um ‘cheque polpudo’ na organização. Destaque no peso leve, o brasileiro terá a oportunidade de se aproximar do grupo dos 10 primeiros colocados na categoria.

Vindo de vitória, o brasileiro será adversário de Jalin Turner. O desafio coloca frente a frente dois atletas que têm por característica a vitória na via rápida.

10) Aljamain Sterling estreia em nova divisão e a aposentadoria de um ícone

Aljamain Sterling em vitória no UFC. Foto: Reprodução/Instagram @funkmastermma

Antigo detentor do cinturão dos galos, Aljamain Sterling cumpriu a promessa e migrou oficialmente para o peso pena. Em nova fase na carreira, o lutador será adversário de Calvin Kattar, em confronto que pode alçá-lo ao top 10, em caso de triunfo.

Em um dos primeiros embates do card, os fãs de MMA acompanham o último desafio de um verdadeiro ícone do esporte. Recordista de vitórias na empresa, com 26, Jim Miller realiza seu ‘último ato’ e, aos 40 anos, se despede da modalidade diante de Bobby Green.

Ficha técnica do UFC 300

Data: 13 de abril de 2024

Horário: A partir de 19h (horário de Brasília)

Local: T-Mobile Arena, Las Vegas, Nevada, Estados Unidos

Como assistir: SUPER LUTAS AO VIVO em tempo real, UFC Fight Pass (todo o card) pela internet.

CARD PRINCIPAL (23h, horário de Brasília)

Peso meio-pesado (até 93 kg): Alex Poatan x Jamahal Hill – luta pelo cinturão

Peso palha (até 52,1 kg): Weili Zhang x Yan Xiaonan – luta pelo cinturão

Peso leve (até 70,3 kg): Justin Gaethje x Max Holloway – luta pelo cinturão BMF

Peso leve (até 70,3 kg): Charles do Bronx x Arman Tsarukyan

Peso médio (até 83,9kg): Bo Nickal x Cody Brundage

CARD PRELIMINAR (19h, horário de Brasília)

Peso meio-pesado (até 93 kg): Jiri Prochazka x Aleksandr Rakic

Peso pena (até 65,7 kg): Calvin Kattar x Aljamain Sterling

Peso galo (até 61,2 kg): Holly Holm x Kayla Harrison

Peso pena (até 65,7 kg): Sodiq Yusuff x Diego Lopes

Peso leve (até 70,3 kg) Jalin Turner x Renato Moicano

Peso palha (até 52,1 kg): Jéssica Bate-Estaca x Marina Rodriguez

Peso leve (até 70,3 kg): Bobby Green x Jim Miller

Peso galo (até 61,2 kg): Deiveson Figueiredo x Cody Garbrandt

Charles do Bronx recusa luta no UFC? Peso leve detona: ‘Você sabe que vou te dar trabalho’

Leia Mais sobre: , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,


Confira todos os resultados do UFC Las Vegas 92 Resultados do UFC St. Louis Resultados do UFC 301 Resultados do UFC Las Vegas 91 Resultados do UFC 300