'Jon Jones nunca enfrentou alguém tão bom quanto eu', diz Daniel Cormier | SUPER LUTAS

‘Jon Jones nunca enfrentou alguém tão bom quanto eu’, diz Daniel Cormier

Desafiante pelo cinturão dos meio-pesados diz que visualiza vitória todas as noites e espera impor seu jogo no UFC 182

Cormier (foto) elogiou as habilidades de Evans, seu próximo oponente. Foto: Josh Hedges/Zuffa LLC

Cormier (foto) enfrentará Jones em janeiro. Foto: Josh Hedges/Zuffa LLC

A pouco mais de um mês para o UFC 182, no dia 3 de janeiro, Daniel Cormier já treina firme para a luta contra Jon Jones, que valerá o cinturão dos meio-pesados do Ultimate. E o invicto norte-americano está com a confiança em alta de que conseguirá impor seu jogo diante do campeão.

Veja Também

“Ele nunca enfrentou alguém tão bom quanto eu. Nunca enfrentou ninguém que vai usar o wrestling do jeito que eu uso, ou que vá colocar a pressão que eu vou impor. Eu vou fazê-lo lutar do jeito que eu planejo que ele lute. Ele vai ser uma pessoa completamente diferente no octógono no dia 3 de janeiro”, prometeu Cormier, em entrevista ao site do canal “Combate”.

Cormier já imagina desde já sua vitória sobre Jones – ele acredita que este exercício psicológico é fundamental para abrir caminho para a conquista. “Eu visualizo a minha vitória contra Jones todas as noites. Toda noite eu penso no momento em que terei a minha mão erguida, mas isso não é novo, é algo que eu tenho feito toda vez que me preparo para uma luta. Eu visualizo o resultado, porque sei que isso é determinante para o treino. A minha luta é desenhada aqui na academia. Se eu colocar todo o meu esforço e treinar o mais duro que eu conseguir, eu vou vencer. Se eu deixar coisas pendentes no treino, então eu corro risco de perder. Todo mundo aqui da AKA [American Kickboxing Academy] sabe que é assim. Eu visualizo a vitória todos os dias. Não sei como vai acontecer, mas me vejo com a mão erguida novamente e vou fazer isso de um jeito em que as pessoas vão pensar: ‘Jon Jones nunca foi assim tão bom ou o Daniel Cormier é algo que nós nunca vimos antes?’”, concluiu.

Comentários

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments