Dana White dá ultimato a Jon Jones após polêmica: ‘Essa foi sua última chance’

Presidente do UFC garante que ex-campeão dos meio-pesados só retornará ao octógono caso resolva de vez seus problemas pessoais

White (esq.) comentou sobre caso de Jones (dir.). Foto: Divulgação/UFC

White (esq.) comentou sobre caso de Jones (dir.). Foto: Divulgação/UFC

Veja Também

UFC retira cinturão de Jon Jones e suspende lutador por tempo indeterminado
Cormier celebra chance de disputar o cinturão, mas reconhece: ‘É um dia triste para o esporte’
Jon Jones pede desculpas por recentes polêmicas e diz que vai fazer ‘exame de consciência’

O presidente do UFC, Dana White, parece estar próximo de perder a paciência definitivamente com Jon Jones. Logo após retirar o cinturão dos meio-pesados do lutador devido a uma polêmica batida de trânsito, o dirigente garantiu que esta foi a última chance dada ao agora ex-campeão.

No último fim de semana, Jones se envolveu em um acidente de carro na cidade de Albuquerque, nos Estados Unidos. O atleta cruzou o sinal vermelho e atingiu um carro dirigido por uma mulher grávida. “Bones” fugiu do local a pé, sem prestar socorro, e, por isso, teve de se explicar à polícia.

Em entrevista à emissora “ESPN”, White assegurou que Jones só voltará ao octógono caso resolva de vez seus problemas. “Como muita gente sabe, Jon teve várias chances. Essa foi sua última chance. Ele precisa lidar com seus problemas fora do octógono e depois nós veremos o que acontece”, comentou. “Obviamente ele é uma das nossas maiores estrelas. Ele estava a caminho de se tornar o maior de todos os tempos, mas teve problemas com a justiça com os quais precisa lidar agora. Então, nós o suspendemos, tiramos-lhe o título e agora ele tem trabalho a fazer”, disse o dirigente.

No momento, o cinturão dos meio-pesados do UFC está vago. O novo campeão será conhecido no UFC 187, quando Anthony Johnson enfrentará Daniel Cormier.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments