UFC põe fim a novela e confirma Aldo x McGregor, mas anuncia plano B

Organização descartou fratura do brasileiro, mas deixou ex-desafiante Chad Mendes de sobreaviso para uma eventual disputa pelo título interino

Paciência de Aldo (esq.) com McGregor (dir.) já se esgotou no primeiro evento juntos. Foto: William Lucas / Inovafoto

Aldo (esq.) x McGregor (dir.): duelo está mantido, pelo menos até segunda ordem. Foto: William Lucas / Inovafoto

Veja Também

Wanderlei Silva alerta Aldo para ‘jogo de interesses’ e aconselha: ‘Só lute se estiver 100%’
Sparring de Aldo detalha lance que provocou fratura do campeão e revela tristeza com episódio
Após lesão de Aldo, Edgar diz que espera ligação do UFC para enfrentar McGregor
McGregor surpreende e evita polêmica ao comentar lesão de Aldo

A novela iniciada após a contusão sofrida por José Aldo durante um treino na Nova União teve um desfecho feliz, pelo menos para os fãs que querem acompanhar o tão aguardado duelo entre o campeão dos penas e o desafiante irlandês Conor McGregor. Após dias de tensão, a organização do Ultimate emitiu um comunicado oficial descartando uma fratura na costela de Aldo e confirmando a manutenção do duelo entre ele e McGregor como luta principal do UFC 189.

Apesar da confirmação do duelo, baseada em relatórios médicos independentes, a organização já anunciou também um plano B, para o caso de Aldo voltar a apresentar problemas físicos que o impossibilitem de atuar. Neste caso, o Ultimate colocará em jogo um cinturão interino entre o ex-desafiante Chad Mendes e o próprio Conor McGregor.

O UFC 189 acontece já no próximo dia 11 de julho e, pelo menos até o momento, tem como luta principal o duelo pelo cinturão dos penas entre o brasileiro José Aldo e Conor McGregor. No evento co-principal da noite, o norte-americano Robbie Lawler coloca o cinturão dos meio-médios em jogo contra o desafiante canadense Rory MacDonald.

Confira abaixo, na íntegra, o comunicado divulgado pelo UFC:

Por causa das recentes reportagens a respeito do estado de saúde do campeão peso pena, José Aldo, o UFC recebeu confirmação médica de diferentes médicos que afirmaram que Aldo não quebrou a costela. Após uma revisão dos exames, foi determinado que o campeão sofreu um edema ósseo em sua costela e uma lesão na cartilagem durante o treino.

Com essa notícia, Aldo já expressou que tem toda a intenção de enfrentar Conor McGregor no UFC 189.

Enquanto ele já indicou que vai competir no dia 11 de julho, em Las Vegas, o UFC confirmou um plano de contingência. O desafiante número um da divisão peso pena, Chad Mendes, vai enfrentar Conor McGregor pelo título interino dos pesos penas no evento caso Aldo não possa competir.

O UFC mantém o compromisso de entregar as disputas de cinturão peso pena e peso meio-médio no UFC 189 durante a Semana Internacional da Luta (International Fight Week) em Las Vegas.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments