Diaz confia que enfrentará McGregor em sua próxima luta

Polêmico norte-americano diz que UFC já lhe propôs o combate no passado e diz que duelo com o irlandês é o passo óbvio da organização

N. Diaz (foto) quer enfrentar McGregor. Foto: Josh Hedges/UFC

N. Diaz (foto) quer enfrentar McGregor. Foto: Josh Hedges/UFC

Mesmo sem subir no octógono, Conor McGregor foi uma das grandes atrações do UFC on FOX 17, evento realizado em Orlando, nos Estados Unidos, no último sábado (19). Nada menos que três dos atletas vencedores na noite desafiaram o novo campeão dos penas do UFC: Charles do Bronx, Nate Diaz e Rafael dos Anjos. E um deles está bastante confiante que irá receber a chance de enfrentar McGregor.

Veja Também

‘Sou a criptonita de McGregor’, confia Edgar
Desafiado por Rafael dos Anjos, McGregor responde: ‘Quero vê-lo implorar’
Treinador de McGregor projeta luta pelo cinturão dos leves em abril

Diaz, que bateu Michael Johnson na decisão dos juízes, considera que uma próxima luta sua contra McGregor seria o passo mais óbvio do UFC, já que o estilo de luta de ambos possibilita um combate agradável ao público. “Muito provavelmente vai acontecer, porque é a única coisa que tem que acontecer. É a maior luta que pode acontecer. Muita gente me ligou para lutar com ele quando [José] Aldo se machucou [antes do UFC 189, em julho]. Eles me pediram. Com certeza é uma ótima ideia. É uma luta que vai mexer com muito dinheiro, então vamos movimentar esses números. Sou uma grande atração e tenho bons números”, disse Diaz, em entrevista ao site norte-americano “Sherdog”.

O irmão mais novo de Nick Diaz afirmou que, mais do que em busca do cinturão, seu objetivo no esporte é fazer lutas de grande repercussão. “Estou na mesma posição que o meu irmão. Ele enfrentou Anderson Silva, GSP… São lutas grandes. Eu quero o mesmo para mim”, explicou.

O UFC ainda não confirmou oficialmente qual será o próximo passo de McGregor na organização. O treinador do lutador irlandês, John Kavanagh, afirmou que seu atleta pretende disputar o cinturão dos leves contra Dos Anjos em abril e, três meses depois, defender o título dos penas contra Frankie Edgar.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments