UFC anuncia planos de Cyborg x Randamie; brasileira desmente duelo

Brasileira disse que voltará ao Invicta para lutar pelo cinturão peso pena e cita corte de peso severo como razão para negativa

Cris (foto) quer voltar ao Invicta antes de lutar no UFC de novo. Foto: Buda Mendes/UFC

Cris (foto) quer voltar ao Invicta antes de lutar no UFC de novo. Foto: Buda Mendes/UFC

Na noite desta quarta-feira (18), apenas quatro dias após a primeira luta de Cris Cyborg sob a bandeira do UFC, com a vitória por nocaute técnico sobre Leslie Smith em Curitiba (PR), a organização anunciou, por meio do jornal oficial “UFC Tonight”, o provável retorno da brasileira ao octógono: diante da holandesa Germaine de Randamie, no UFC 201, em julho.

Veja Também

Nutricionista assegura: Cyborg pode chegar a 61,2 kg, mas seu rendimento cairá
Wilson Reis desafia Demetrious Johnson pelo cinturão dos moscas no UFC 201
White deverá definir próxima luta de McGregor ainda nesta quarta
Bisping substitui Weidman e desafia Rockhold pelo cinturão no UFC 199

O anúncio, porém, foi rapidamente desmentido pela própria Cyborg, por meio de publicação nas redes sociais. “A minha próxima luta vai ser no meu peso 145 lbs (65,7 kg). Defesa de cinturão no Invicta FC. Peso-casado apenas com Ronda Rousey ou Miesha Tate. Sou campeã nos 65,7 kg, o UFC não tem minha categoria, tudo bem! Mas não tem o direito de deletar a minha divisão…Não adianta tentar manipular meus fãs, estarei defendendo o meu cinturão na próxima luta! Já provei que posso bater 140 lbs (63,5kg), fiz a minha parte”, escreveu Cris, no Twitter.

A brasileira seguiu em outra postagem citando a principal razão que a levou a não fazer sua segunda luta no Ultimate imediatamente. “Foi muito difícil bater 63,5 kg, tive que treinar três vezes por dia e estou fazendo um documentário que, em breve, vai estar online para vocês verem. Em todas as mídias que tive que fazer para a minha luta, não pude levar o meu cinturão para mostrar que sou campeã. Fui proibida”, garantiu.

O UFC 201, com ou sem Cris Cyborg, acontece no dia 30 de julho, na Phillips Arena, em Atlanta (EUA). Na luta principal da noite, Robbie Lawler coloca o cinturão dos meio-médios em jogo diante de Tyron Woodley. Na luta co-principal, o campeão dos moscas Demetrious Johnson será desafiado pelo brasileiro Wilson Reis.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments