‘Não faz sentido ver Henderson disputando cinturão’, diz empresário de Jacaré

Agente do lutador minimiza rumores e convoca torcida para pedir ao UFC a chance para o brasileiro: ‘A hora é agora’

Jacaré vem de vitória sobre Belfort em Curitiba. Foto: Josh Hedges/UFC

Jacaré vem de vitória sobre Belfort em Curitiba. Foto: Josh Hedges/UFC

O veterano Dan Henderson, atleta mais velho do UFC em atividade, pediu nas redes sociais por uma chance contra o novo campeão dos médios, Michael Bisping, a quem já venceu em 2009. O inglês acenou de forma positiva à ideia e aceitou o desafio. Contudo, o empresário de Ronaldo Jacaré, Gilberto Faria, acredita que o possível duelo não faria sentido algum, e que a vez do momento é do lutador brasileiro.

Veja Também

Henderson lança pôster e faz campanha por despedida valendo o título contra Bisping
Bisping aceita desafio de Henderson e se diz aberto a superluta com GSP
Jacaré acredita que será o próximo desafiante pelo cinturão dos médios

Faria pregou respeito aos feitos de Henderson, que vem de vitória impressionante sobre Hector Lombard, mas lembrou do difícil passado recente do veterano. “Dan Henderson ganhou uma luta, mas, das últimas nove, são seis derrotas. Não tem cartel para bancar uma disputa de cinturão. Sou fã dele, adoro ele, respeito muito, o Jacaré também gosta muito dele. No UFC 199, estava rolando entrevista do Jacaré durante a luta do Dan Henderson e nós paramos para celebrar a vitória dele. Jacaré falou que gosta muito. Dan Henderson é para fazer superluta, não pra disputar cinturão. Tira até o brilho do cinturão. A gente gosta do cara, ganhou a última, mas tem seis derrotas e três vitórias nas últimas nove lutas. Não faz sentido”, ponderou Faria, em entrevista ao site do canal “Combate”.

Assim, Faria pediu para que a torcida brasileira peça ao UFC nas redes sociais uma oportunidade para Jacaré disputar o cinturão. “Se querem a cinta voltando para o Brasil, a hora de pedir é agora. Temos que fazer as massas se movimentarem e pedir essa luta. As chances de dar errado sempre existem, porque o que move o UFC no final do dia, ainda mais em card de pay-per-view, é o dinheiro. Querem o evento que mais venda. Mas com o povo e os fãs fazendo barulho, mostrando interesse na luta, fortalece para o Jacaré pegar e espancar o Bisping para trazer o cinturão”, contou.

Bisping conquistou o título no UFC 199, no dia 4 de junho, quando nocauteou Luke Rockhold ainda no primeiro round. Antes, ele havia derrotado Anderson Silva na decisão dos juízes. Já Jacaré dominou Vitor Belfort no UFC 198, realizado em maio em Curitiba (PR).

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments