Chiesa sofre lesão e deixa duelo contra Ferguson

Contusão nas costas impediu atleta de competir na luta principal do UFC Fight Night 91, em julho

Chiesa faria luta com Ferguson em julho. Foto: Divulgação

Chiesa faria luta com Ferguson em julho. Foto: Divulgação

Veja Também

Ex-UFC e matador de aluguel, Suloev morre de câncer
Vídeo: Ronda e McGregor fazem encarada em comercial
UFC 202 também terá Glover x Johnson e retorno de Cerrone

O fantasma das lesões atingiu mais uma luta principal de um evento do UFC em 2016. A vítima da vez foi Michael Chiesa, que faria duelo com Tony Ferguson na maior atração do UFC Fight Night 91, evento que será realizado no dia 13 e julho, em Siou Falls, Dakota do Sul (EUA).

Chiesa sofreu uma lesão nas costas, que foi grave o bastante para lhe fazer desistir do compromisso. “É a primeira vez que tive que dizer que não iria lutar. É claro que estou decepcionado. Sempre me orgulhei de ser muito durável, tanto fisicamente quanto espiritualmente. Já lutei com fraturas, já lutei pouco tempo depois de fazer cirurgias, já lutei pouco depois de me recuperar de infecções. Não posso acreditar que enfim me deparei com algo que não pude superar”, disse o atleta, chateado.

A expectativa é de que Chiesa fique oito semanas de repouso para então iniciar a fisioterapia. Ainda não se sabe se o lutador precisará de cirurgia. Enquanto isso, o UFC segue à procura de um novo rival para Ferguson.

O UFC Fight Night 91 já tem 13 lutas confirmadas, sendo duas delas com brasileiros: John Lineker encara Michael McDonald, e Rani Yahya pega Matthew Lopez.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments