Um dia antes da pesagem, Cyborg revela que ainda tem muito peso a perder

Brasileira, no entanto, garante que irá bater o limite exigido e diz em “missão secreta”

Cris (foto) fez sua primeira luta no UFC em Curitiba. Foto: Buda Mendes/UFC

Cris (foto) fez sua segunda luta no UFC em Brasíla. Foto: Buda Mendes/UFC

Antes de subir no octógono no próximo sábado (24), quando enfrentara Lina Lansberg na luta principal do UFC Fight Night 95, em Brasília, Cris Cyborg precisar vencer outro oponente: a balança. Faltando apenas um dia para a pesagem oficial do show, Cyborg precisa bater 63,5kg, com tolerância de uma libra, o que daria 64kg, a lutadora revelou que ainda precisa perder muito peso, mas afirma que no final tudo dará certo.

Veja Também

Cris Cyborg fará luta principal do UFC Brasília
Cyborg afirma que só luta em peso casado no UFC
Faltando quatro dias para pesagem, Cyborg precisa perder mais de 11kg
‘Luta com Ronda precisa acontecer’, diz Cyborg

“Tive um problema no peso neste camp, pois eu não chegava no peso que eu sempre chego. Estou um pouco mais pesada. Querendo ou não isso afeta o atleta. Você treina muito, às vezes, retém líquido, comecei a tomar pílula, que meu nutricionista falou que ia me ajudar… Meu período menstrual é bem difícil. Eu estava até falando sobre isso, estava de TPM, falei mais do que deveria falar. Falta bastante, mas vai dar tudo certo, confio no meu time e no meu nutricionista. Ainda estou bem, à noite é que será a guerra. É uma missão secreta (o peso), a gente não está falando. Não posso contar, só amanhã”, falou Cris durante as entrevistas do “Media Day”, realizado nesta quinta-feira (22).

Questionada sobre a mudança do horário da pesagem – em Curitiba, a pesagem oficial ocorreu no final da tarde, enquanto dessa vez o peso terá que ser batido na parte da manhã -, Cyborg viu pontos positivos e negativos no novo cenário. “Vai ser um pouco difícil, será de 8h as 10h, antes eu acordava de manhã e perdia o resto. Mudamos a estratégia, porém, teremos mais tempo para se recuperar. Na pesagem para o público, estarei bem, reidratada. É um tempo maior”, concluiu ela.

A aparição no UFC Brasília será a segunda de Cris no UFC. Em sua estreia no octógono, a brasileira – considerada a maior lutadora de MMA da história – atropelou Leslie Smith e venceu por nocaute em apenas 81 segundos.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments