Presidente do Bellator diz que Wand Silva x Chael Sonnen deve ocorrer em 2017

Scott Coker, presidente da organização, revelou que o brasileiro tem “implorado” por essa luta

Wand (dir.) e Sonnen (esq.) deveriam ter se enfrentado no UFC após treinarem o TUF.  Foto: UFC

Wand (dir.) e Sonnen (esq.) deveriam ter se enfrentado no UFC após treinarem o TUF. Foto: UFC

O aguardado duelo entre Wanderlei Silva e Chael Sonnen pode, enfim, sair apenas do imaginário dos fãs de MMA e se tornar real. E quem garante isso é Scott Coker, presidente do Bellator, organização na qual os dois são contratados atualmente.

Veja Também

Sonnen revela possíveis punições caso caia em novo doping no Bellator
Sonnen surpreende, rompe com o UFC e assina com o Bellator
Wand ameaça Sonnen: ‘Posso te meter a mão na cara’

“Desde que o Bellator contratou Chael Sonnen, acredite, nós temos recebidos mensagens e ligações do Wanderlei dizendo que ele quer essa luta. Então, acho que vocês verão essa luta em algum momento em 2017 pelo Bellator”, revelou Coker ao site norte-americano “FloCombat”.

O mandatário esclareceu que o confronto só pode acontecer a partir de maio de 2017, em virtude de uma punição imposta pela Comissão Atlética de Nevada (NAC) ao brasileiro. Wand foi banido do esporte por fugir de teste antidoping em 2014, no entanto, o órgão voltou atrás e o puniu por três anos de suspensão.

“Nós temos um contrato com o Wanderlei Silva mesmo antes do Rizin aparecer para ele. Com o contrato que nós temos com ele, ele não estará disponível para lutar para nós até estiver livre pela Comissão Atlética de Nevada. Acho que em maio ele estará livre para competir no Bellator”, falou o presidente.

A rivalidade entre Wanderlei Silva e Chael Sonnen se iniciou em 2014, quando foram escalados para serem treinadores do TUF Brasil 3. Na ocasião, os dois lutadores se provocaram e insultaram bastante durante as gravações, ao ponto de chegarem às vias de fato em um dos episódios do programa. Eles iriam se enfrentar na final do programa, em maio daquele ano, mas ambos tiveram problemas com doping, fazendo, assim, com que a luta fosse cancelada.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments