‘Sonnen escolheu a pessoa errada, na hora errada’, provoca Ortiz

Ex-campeão do UFC vê duelo no Bellator como chance de redenção e promete esmagar rival em janeiro

T. Ortiz (foto) enfrenta Sonnen em janeiro. Foto: Divulgação

T. Ortiz (foto) enfrenta Sonnen em janeiro. Foto: Divulgação

Confirmado em duelo contra Chael Sonnen no Bellator 170, em janeiro, Tito Ortiz garantiu que não se sentia tão motivado quanto agora havia um longo tempo. O veterano, ex-campeão dos meio-pesados do UFC, vê no combate uma oportunidade de redenção e avisou que irá “esmagar” o rival.

Veja Também

Sonnen surpreende, rompe com o UFC e assina com o Bellator
Bellator oficializa Sonnen x Ortiz para janeiro
Ortiz diz que UFC seria um ‘completo fracasso’ sem White

Ortiz e Sonnen são rivais de longa data, desde os tempos de wrestling universitário. Justamente por isso, o anúncio fez com que o “Bad Boy de Huntington Beach” voltasse a se sentir empolgado para um duelo.

“Essa luta vem ganhando forma há 20 anos, então, sim, é uma espécie de redenção. Essa é uma oportunidade para dar o troco. Chael escolheu a pessoa errada, na hora errada. Ele motivou a pessoa errada. A chama que está dentro de mim agora não se compara com nenhuma outra. Isso é mais importante para mim do que lutar pelo título em minha última luta. Essa luta vai ser uma redenção, porque tenho a oportunidade de limpar meu nome e esmagar Chael Sonnen”, disse Tito, durante um vídeo divulgado pelo Bellator no Facebook. “Essa não é uma luta de wrestling, e, pelo que vi da última vez, Chael não gosta de levar socos na cara. Vou tentar defender aquela queda e vou fazê-lo sentir dor. Trata-se de machucar este cara, e eu vou fazer isso”, continuou.

O Bellator 170 acontece no dia 20 de janeiro, em Los Angeles, na Califórnia (EUA). Será a primeira luta de Sonnen desde que deixou o UFC. Já Ortiz subirá no cage do Bellator pela quarta vez: no passado, ele obteve duas vitórias, sobre Stephan Bonnar e Alexander Shlemenko, e uma derrota, para Liam McGeary.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments