Medalhista no Rio segue os passos de Ronda e migra para o MMA

Kayla Harrison, ouro nos Jogos de 2016, assina contrato para competir na organização World Series of Fighting

K. Harrison segue os passos de Ronda e migra para o MMA

K. Harrison segue os passos de Ronda e migra para o MMA

O MMA passará a contar com mais uma medalhista olímpica. Kayla Harrison, que subiu no topo do pódio no judô nos Jogos do Rio de Janeiro, em agosto deste ano, assinou contrato com o World Series of Fighting (WSOF) para competir a partir de 2017.

Veja Também

Ex-UFC, Carwin entra no GP absoluto do Rizin
McGregor vai anunciar afastamento após UFC 205, crava jornal
Governo barra nova tentativa e MMA segue ilegal na França

A norte-americana, de 26 anos, inicialmente atuará no papel de comentarista e embaixadora do evento. Sua primeira participação oficial acontecerá no dia 31 de dezembro, data em que o WSOF realizará um evento no Madison Square Garden, ginásio situado em Nova York (EUA).

“Venho treinando boxe e jiu-jitsu e tudo mais, e a melhor coisa para mim é que eu sinto falta das competições. Sinto falta de lutar nos maiores palcos do mundo, e o WSOF me deu uma ótima oportunidade”, disse a ex-judoca, em entrevista ao jornal “USA Today”.

Assim, Kayla segue os passos de sua antiga parceira de treinos Ronda Rousey, que começou a competir no MMA após conquistar o bronze nas Olimpíadas de Pequim, na China. Anos mais tarde, Ronda entrou no UFC, se manteve como campeã e se tornou uma das maiores estrelas do MMA.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments