UFC Fight Night México: Sertanejo é derrotado em duelo movimentado

Brasileiro chega perto de finalizar no último round, mas perde para Perez na decisão; D’Silva dá show e nocauteia

Perez superou Sertanejo em luta apertada. Foto: Divulgação

Perez superou Sertanejo em luta apertada. Foto: Divulgação

Os lutadores brasileiros deixaram o card preliminar do UFC Fight Night México, na noite deste sábado (5), com uma derrota e uma vitória. Felipe Sertanejo fez duelo acirrado com Erik Perez, mas acabou superado na decisão dividida dos juízes. Já Douglas D’Silva brilhou em luta eletrizante e voltou à ativa com um belo nocaute.

Veja Também

Nicolau deixa card do UFC São Paulo por suspeita de doping
McGregor despista sobre anúncio: ‘Não sabem m**** nenhuma’
Alvarez planeja bater McGregor e se tornar o maior peso leve da história

Sertanejo e Perez travaram um combate com ritmo intenso no octógono. O brasileiro parecia levar a melhor em pé em praticamente todos os momentos, mas o mexicano soube fazer a diferença com quedas em momentos precisos.

Foi o que aconteceu no primeiro round, quando “El Goyito”, como é conhecido, derrubou Sertanejo e trabalho por cima. O brasileiro conseguiu inverter, mas ainda assim acabou o assalto por baixo depois de aplicar uma tentativa de finalização frustrada.

O segundo assalto foi novamente movimentado no chão. Perez levou Sertanejo ao solo e chegou a montar, mas o brasileiro foi ágil ao escapar da posição, pegar as costas e quase finalizar o adversário com um mata-leão. Assim como aconteceu no primeiro round, o mexicano terminou as ações por cima.

Perez quedou Sertanejo de novo no terceiro round, embora o brasileiro tenha escapado da posição de inferioridade com mais rapidez. Em pé, Sertanejo minou Perez e aplicou um knockdown nos segundos finais, e por pouco não finalizou o combate com um katagatame. No entanto, Perez foi salvo pelo gongo, o que levou a luta à decisão dos juízes.

Dois dos jurados apontaram vitória para o mexicano, suficiente para lhe garantir o resultado positivo. Assim, Perez conquista sua terceira vitória seguida, enquanto que Sertanejo vê uma sequência de dois triunfos em sequência ser interrompida.

D’Silva retorna ao UFC com um belo nocaute

Douglas brilhou no card preliminar. Foto: Divulgação

Douglas brilhou no card preliminar. Foto: Divulgação

Depois de três lutas decididas pelos juízes no UFC México, Douglas D’Silva fez questão de encerrar sua participação com estilo. O paraense, que estava afastado do octógono desde fevereiro de 2015, voltou à ativa com um belo nocaute diante de Henry Briones.

A luta se desenrolou inteiramente de pé. Desde o início, Douglas incomodava o adversário com diretos e cruzado, mas, com o passar do tempo, Briones encontrou sua distância e passou a fazer bom proveito de sua maior envergadura.

Quando começava a tomar conta do combate, Briones foi surpreendido com um contra-ataque no fim do segundo round, o que quase o levou a nocaute. Depois, com a luta já em seu assalto final, o brasileiro liquidou a fatura: aplicou uma cotovelada no contragolpe e aniquilou seu rival, já grogue, com um soco rodado.

Com isso, D’Silva obtém sua segunda vitória em três lutas no UFC. Já Briones, que vinha de derrota para o futuro desafiante pelo cinturão, Cody Garbrandt, é nocauteado pela primeira vez em sua carreira profissional.

Resultados do card preliminar do UFC FN México:

Erik Perez derrotou Felipe Sertanejo na decisão dividida dos juízes (29 a 28, 28 a 29 e 29 a 28)

Joe Soto finalizou Marco Beltran (chave de calcanhar) a 1min37s do R1

Max Griffin derrotou Erick Montaño por nocaute técnico (socos) aos 54s do R1

Douglas D’Silva nocauteou Henry Briones (soco rodado) aos 2min33s do R3

Sam Alvey derrotou Alex Nicholson na decisão unânime dos juízes (triplo 29 a 28)

Marco Polo Reyes derrotou Jason Novelli na decisão dividida dos juízes (29 a 28, 28 a 29 e 29 a 28)

Enrique Barzola derrotou Chris Avila na decisão unânime dos juízes (triplo 30 a 26)

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments