Cormier fatura mais de R$ 3 milhões no UFC 214, o dobro de Jon Jones

Protagonistas do UFC 214, Jones e Cormier, ao lado de Woodley, receberam os maiores salários do evento

Cormier recebeu a maior bolsa do evento (Foto: Reprodução/Facebook UFC)

Cormier recebeu a maior bolsa do evento (Foto: Reprodução/Facebook UFC)

Daniel Cormier perdeu o cinturão dos meio-pesados ao nocauteado por Jon Jones na luta principal do UFC 214, realizado no último sábado (29), em Anaheim (EUA), mas tem pelo menos um motivo para sorrir. De acordo com o site “MMA Junkie”, o agora ex-campeão recebeu o maio salário do evento, cerca de US$ 1 milhão (R$ 3,1 milhões). O valor é o dobro do recebido por Jones, que lucrou US$ 500 mil (R$ 1,6 milhão) – sem bônus por vitória.

Saiba mais

Jon Jones volta com nocaute sobre Cormier no UFC 214 e desafia Lesnar
Sob vaias, Woodley evita quedas de Demian e mantém título por decisão no UFC 214
UFC 214: Cyborg vence Evinger por nocaute e conquista o cinturão peso pena

Outro lutador que recebeu uma bolada foi Tyron Woodley, que manteve o título dos meio-médios ao derrotar Demian Maia na decisão dos juízes. O norte-americano faturou US$ 500 mil (R$ 1,6 milhão) (sem bônus por vitória), enquanto o brasileiro recebeu US$ 110 mil (R$ 344,7 mil). Nova campeã peso pena feminino do UFC, Cris Cyborg embolsou US$ 200 mil (R$ 626,7 mil) – sem bônus por vitória.

Quem também saiu com o bolso cheio foi Robbie Lawler, ex-campeão da divisão até 77kg. Após vencer Donald Cerrone em duelo movimentado, ele embolsou US$ 300 mil (R$ 939,9 mil). Representantes brasileiros do card preliminar, Renan Barão e Renato Moicano receberam US$ 53 mil (R$ 166 mil) e US$ 23 mil (R$ 72 mil), respectivamente.

Confira abaixo os valores da folha salarial do UFC 214:

Jon Jones: US$ 500 mil (R$ 1,6 milhão) – sem bônus por vitória

Daniel Cormier: US$ 1 milhão (R$ 3,1 milhões)

Tyron Woodley: US$ 500 mil (R$ 1,6 milhão) – sem bônus por vitória

Demian Maia: US$ 110 mil (R$ 344,7 mil)

Cris Cyborg: US$ 200 mil (R$ 626,7 mil) – sem bônus por vitória

Tonya Evinger: US$ 100 mil (R$ 313,3 mil)

Robbie Lawler: US$ 300 mil (R$ 939,9 mil) – inclui bônus de US$ 100 mil (R$ 313,3 mil) pela vitória

Donald Cerrone: US$ 155 mil (R$ 485,6 mil)

Volkan Oezdemir: US$ 110 mil (R$ 344,7 mil) – inclui bônus de US$ 30 mil (R$ 93,9 mil) pela vitória

Jimi Manuwa: US$ 120 mil (R$ 375,9 mil)

Ricardo Lamas: US$ 106 mil (R$ 332,2 mil) – inclui bônus de US$ 53 mil (R$ 166 mil) pela vitória

Jason Knight: US$ 31 mil (R$ 97,1 mil)

Aljamain Sterling: US$ 66 mil (R$ 206,8 mil) – inclui bônus de US$ 33 mil (R$ 103,4 mil) pela vitória

Renan Barão: US$ 53 mil (R$ 166 mil)

Brian Ortega: US$ 52 mil (R$ 162,9 mil) – inclui bônus de US$ 26 mil (R$ 81,4 mil) pela vitória

Renato Moicano: US$ 23 mil (R$ 72 mil)

Calvin Kattar: US$ 24 mil (R$ 75,2 mil) – inclui bônus de US$ 12 mil (R$ 37,6 mil) pela vitória

Andre Fili: US$ 24 mil (R$ 75,2 mil)

Alexandra Albu: US$ 20 mil (R$ 62,6 mil) – inclui bônus de US$ 10 mil (R$ 31,3 mil) pela vitória

Kailin Curran: US$ 20 mil (R$ 62,6 mil)

Jarred Brooks: US$ 24 mil (R$ 75,2 mil) – inclui bônus de US$ 12 mil (R$ 37,6 mil) pela vitória

Eric Shelton: US$ 10 mil (R$ 31,3 mil)

Drew Dober: US$ 44 mil (R$ 137,9 mil) – inclui bônus de US$ 22 mil (R$ 68,9 mil) pela vitória

Josh Burkman: US$ 54 mil (R$ 169,2 mil)

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário