UFC 222: 'Nova Ronda', Mackenzie Dern sofre para vencer na estreia | SUPER LUTAS

UFC 222: ‘Nova Ronda’, Mackenzie Dern sofre para vencer na estreia

Em sua primeira luta no octógono, brasileira-americana derrota Ashley Yoder em uma apertada decisão; Pedro Munhoz é superado por John Dodson

Dern (esq.) sofreu, mas venceu na estreia no UFC. Foto: Reprodução / Divulgação / Instagram UFC

Foi mais sofrido que o esperado, mas Mackenzie Dern estreou no Ultimate com vitória. A brasilo-americana chegou ao octógono com moral para se tornar a ‘nova Ronda Rousey’. Bela, invicta e especialista em finalizações. Mas o debute no octógono foi sofrido. A dura Ashley Yoder, vinha de duas derrotas consecutivas, mas engrossou o jogo para a faixa-preta, que só conseguiu o trinfo na decisão dividida dos juízes. O combate fechou o card preliminar do UFC 222, evento que acontece neste sábado (03), em Las Vegas (EUA).

O Brasil teve mais um representante no programa de abertura do UFC 222. O paulista Pedro Munhoz perdeu sua série de triunfos consecutivos diante do duro John Dodson, na decisão dividida dos juízes.

Mackenzie Dern sofre, mas vence…

Veja Também

Com emoção! Assim pode ser resumida a estreia de Mackenzie Dern no octógono. Especialista na luta de solo, a bicampeã mundial de jiu-jitsu começou a luta se arriscando na troca de golpes. Dern, mesmo sem técnica de boxe, mostrou coragem e caminhou para frente soltando duros socos. Yoder não conseguiu responder as investidas da lutadora, que nasceu nos EUA, mas é filha do brasileiro Welligton Megaton. Mackenzie ainda tentou a queda em algumas oportunidades, mas Ashley defendeu todos os ataques.

No segundo round, Dern mantinha o plano de caminhar para frente pressionando Yoder. Mas a norte-americana se aproveitou da brecha deixada pela estreante na luta em pé. Ela conectou um direto de encontro e derrubou a faixa-preta, que se levantou rápido.  A partir daí, Yoder fez uso da maior envergadura para controlar a distância, frustrando Dern

O terceiro round seguia o mesmo caminho a favor de Yoder. A norte-americana frustrou as tentativas de queda de Mackenzie e mantinha a disputa na média distância. Mas nos 90 segundos finais, Mackenzie tirou um coelho da cartola. Ela conseguiu derrubar Yoder e chegar rapidamente às costas.  A brasilo-americana soltou golpes na cabeça da rival e chegou perto do estrangulamento, mas Ashley evitou o mata-leão de todas as formas até o gongo soar.

Ao final, Mackenzie Dern foi declarada vencedora na decisão dividida dos juízes (29-28, 28-29, 29-28).

“Foi bom para mostrar que eu também posso trocar, e que não sou somente uma lutadora de jiu-jítsu. Claro que o chão e a minha casa, mas eu estou feliz com a forma como a vitória aconteceu”, disse Mackenzie Dern após a luta.

Pedrinho faz luta dura, mas perde para Dodson

A escalada de Pedro Munhoz na divisão de galos foi interrompida no UFC 222. O brasileiro, que vinha de quatro vitórias consecutivas parou diante de John Dodson. Em uma luta equilibrada, o norte-americano venceu na decisão dividida dos juízes (29-28, 28-29, 30-27).

O combate começou com Pedrinho tomando a iniciativa da luta. Por sua vez, Dodson mostrou boa velocidade para escapar das investidas do brasileiro e era sempre perigoso no contra-ataque. Munhoz abusou dos chutes na linha de cintura, mas na maioria das investidas, John segurava o ataque e conectava o contragolpe.

O brasileiro voltou pressionando no segundo round, mas o norte-americano evitou ficar no raio de ação. Sem desistir do plano, Pedrinho continuou caminhando pra frente e teve seu bom momento quando encaixou uma boa combinação e  Dodson chegou a sangrar. No minuto final, Munhoz cresceu na disputa e conectou bons golpes.

Pedrinho tentou manter o bom momento no terceiro assalto, mas Dodson recuperou a agilidade e não parou na frente do brasileiro. O norte-americano ainda conectava golpes rápidos e abria frente nas papeletas. No minuto final, Munhoz partiu para o tudo ou nada e conseguiu derrubar o norte-americano. Dodson, contudo, se colocou de joelhos rapidamente, e não deixou Munhoz avançar no solo. O paulista acabou desistindo e partindo para a troca franca nos 10 segundos finais, em que ambos os lutadores acertaram duros golpes, mas nenhum conseguiu o nocaute.

Resultados do card preliminar do UFC 222

Peso palha: Mackenzie Dern derrotou Ashley Yoder na decisão dividida dos juízes (29-28, 28-29, 29-28)

Peso leve: Alexander Hernandez derrotou Beneil Dariush por nocaute a 42s do R1

Peso galo: John Dodson derrotou Pedro Munhoz na decisão dividida dos juízes (29-28, 28-29, 30-27)

Peso médio: CB Dollaway derrotou Hector Lombard por desclassificação a 5m do R1

Peso meio-médio: Zak Ottow derrotou Mike Pyle por nocaute técnico a 2m34s do R1

Peso galo: Cody Stamann derrotou Bryan Caraway na decisão dividida dos juízes (29-28, 28-29, 29-28)

Peso meio-pesado: Jordan Johnson  derrotou Adam Milstead na decisão unânime dos juízes (29-28, 27-30, 29-28)