O UFC 224: Saiba porque apostar nos brasileiros no card preliminar

Markus Perez, Alberto Mina, Thales Leites e Warlley Alves serão os representantes tupiniquins nas quatro primeiras lutas do evento

Thales (foto) estará em ação no card preliminar do UFC 224. Foto: Reprodução / Twitter @ufc_brasil

O próximo sábado (12) será um dia muito especial para os fãs brasileiros de MMA. Na Jeunesse Arena, no Rio de Janeiro, acontece o UFC 224, que terá como principal atração a defesa do cinturão das pesos-galo pela brasileira Amanda Nunes contra a  desafiante norte-americana Raquel Pennington. O evento também poderá marcar a despedida de Vitor Belford, que fará uma das lutas do card principal contra seu antigo companheiro de treinos Lyoto Machida, e promete emocionar o público de sua cidade natal.

Ao longo da semana, abordaremos cada uma das lutas deste evento histórico para o país, sempre trazendo as cotas do Oddsshark.com e os melhores caminhos para você faturar. Para começar a entrar no clima, fique com os prognóstico para os quatro primeiros combates do card preliminar.Todos envolverão lutadores brasileiros.

Markus Perez  x James Bochnovic 

A última luta a ser confirmada pela organização será a responsável por abrir os trabalhos no rio, e colocará frente a frente o brasileiro Markus Perez e o norte-americano James Bochnovic.

Perez, contratado em dezembro pelo UFC como campeão invicto dos médios no Legacy Fighting Alliance, não teve um bom início na nova franquia, e conheceu sua primeira derrota, por decisão unânime, na luta contra Eryk Anders, no UFC Fight Night 123. Em seu país natal, ele agora tentará causar uma melhor impressão.

Também novato no UFC, Bochnovic vem de uma derrota para Trevin Giles em julho do ano passado, e tem um cartel de oito vitórias e duas derrotas.

O brasileiro contra com amplo favoritismo para vencer a luta, com uma margem de 35% de retorno, de acordo com o Oddsshark.com. Caso Bochnovic consiga calar a torcida, o apostador resgatará R$ 3,25 por cada real apostado.

Alberto Mina x Ramazan Emeev

O segundo brasileiro a subir ao octógono será o experiente meio-médio Alberto Mina, que aos 35 anos possui um invejável cartel de 13 lutas sem nenhuma derrota, e venceu por nocaute dois de seus três combates pelo UFC. O que pode pesar contra Mina é o longo período de inatividade, seu último compromisso foi no UFC Fight Night: dos Anjos vs. Alvarez, em julho de 2016.

Em termos de experiência, Ramazan Emeev não fica atrás. Seu cartel é de 16 vitórias e três derrotas, mas ele já acumula cinco lutas de invencibilidade em um período de três anos. Este será o segundo compromisso do russo pelo UFC , e uma nova vitória será importante para colocar seu nome entre os grandes da divisão.

O bom retrospecto, somado ao fato de manter-se mais constantemente em atividade nos últimos anos, tornam Emeev o favorito para vencer esta luta, com um retorno de R$ 1,50 por real apostado. De acordo com o Oddsshark.com, o triunfo do brasileiro está cotado em R$ 2,60/R$ 1,00.

Thales Leites x Jack Hermansson

Atravessando uma fase irregular na carreira, o peso-médio Thales Leites buscará em casa, com o apoio da torcida, o retorno ao caminho das vitórias contra Jack Hermansson.

Leites viveu seu melhor momento entre os anos de 2010 e 2015, quando manteve uma invencibilidade de oito combates, mas de três anos para cá acumula mais decepções do que triunfos. Em seus seis últimos compromissos, sofreu quatro derrotas, inclusive no mais recente, contra Brad Tavares, no UFC 216. O brasileiro possui um cartel de 27 vitórias e oito derrotas.

O sueco Jack Hermansson não tem boas recordações do Brasil, duas de suas cinco lutas pelo UFC aconteceram por aqui, e ele levou a pior contra Cezar Mutante e Thiago Marreta por finalização e nocaute. Apesar do mau retrospecto, ele é um adversário perigoso, sete anos mais jovem do que o brasileiro, e dono de um cartel de 16 vitórias e quatro derrotas.

O Oddsshark.com aponta o favoritismo para Hermansson, e pagará R$ 1,62 por cada real apostado caso ele leve a melhor. Se o brasileiro conseguir vencer, o retorno será um pouco mais alto, R$ 2,30/R$ 1,00.

Warlley Alves x Sultan Aliev

Em mais um duelo entre Brasil e Rússia, o meio-médio Warlley Alves encara Sultan Aliev para tentar emendar a segunda vitória consecutiva no UFC.  Campeão da terceira edição do TUF Brasil, Alves teve um início avassalador na franquia, com triunfos nas quatro primeiras lutas, mas passou por um ano difícil em 2016, perdeu para Bryan Barbarena e Kamaru Usman, e só voltou a vencer no final do ano passado, quando enfrentou o polonês Salim Touahri. Seu cartel como profissional é de 11 vitórias e duas derrotas.

Aliev tem um histórico parecido, com 14 vitórias e duas derrotas, mas não sobe ao octógono desde dezembro de 2016, quando venceu Bojan Velickovic no UFC Sacramento. Esta será a segunda luta do russo na franquia de Danna White, e após tanto tempo de inatividade, suas condições atuais são uma incógnita.

O brasileiro é favorito, com a vitória cotada pelo Oddsshark.com em R$ 1,43/R$ 1,00. O retorno para um triunfo de Aliev será de 180%.

UFC 224 Rio

Card Principal

  • Peso-galo feminino: (R$ 1,14) Amanda Nunes x Raquel Pennington (R$ 5,50)
  • Peso-médio: (R$ 1,66) Ronaldo Jacaré x Kelvin Gastelum (R$ 2,20)
  • Peso-palha feminino: (R$ 1,42) Mackenzie Dern x Amanda Cooper (R$ 2,85)
  • Peso-galo: (R$ 1,40) John Lineker x Brian Kelleher (R$ 2,95)
  • Peso Médio: (R$ 1,37) Vitor Belfort x Lyoto Machida (R$ 3,10)

Card Preliminar

  • Meio-médio: (R$ 2,25) Cezar Mutante x Karl Roberson (R$ 1,64)
  • Peso-Pesado: (R$ 2,10) Oleksiy Oliynyk x Júnior Albini (R$ 1,71)
  • Peso-leve: (R$ 1,71) Davi Ramos x Nick Hein (R$ 2,10)
  • Meio-médio: (R$ 1,74) Elizeu Capoeira x Sean Strickland (R$ 2,05)
  • Meio-Médio: (R$ 1,43) Warlley Alves x Sultan Aliev (R$ 2,80)
  • Peso-médio: (R$ 2,30) Thales Leites x Jack Hermansson (R$ 1,62)
  • Meio Médio: (R$ 2,60) Alberto Mina x Ramazan Emeev (R$ 1,50)
  • Peso-médio: (R$ 1,35) Markus Perez x James Bochnovic  (R$ 3,25)

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário