Cinco motivos para assistir ao UFC Rio neste sábado

Ultimate desembarca no Brasil com a disputa de cinturão peso galo feminino entre Amanda Nunes e Raquel Pennington como atração principal

Mesmo adversárias. A. Nunes respeita amizade com R. Pennington (Foto: Reprodução/Instagram UFC)

O Ultimate realiza neste sábado (12) mais um evento em terras tupiniquins: o UFC 224, também chamado de UFC Rio 9, tem como sede o Rio de Janeiro . A ‘Cidade Maravilhosa’ é pela nona vez casa do maior evento de MMA do mundo. Nesta edição, a campeã do peso galo feminino, Amanda Nunes coloca o cinturão em disputa contra a norte-americana, Raquel Pennington.

Veja Também

Amanda, Jacaré e Lyoto são favoritos nas casas de apostas para UFC 224

O card do evento ainda traz como desataques: Ronaldo Jacaré contra Kelvin Gastelum; Mackenzie Dern diante Amanda Cooper; John Lineker mediando forças contra Brian Kelleher, além da disputa 100% brasileira entre Vitor Belfort e Lyoto Machida.

Para você entrar no clima do  evento, confira cinco motivos para você assistir o UFC 224 Rio:

Amanda retorna como estrela onde debutou no UFC

A. Nunes quer manter a paz com adversária e amiga, R. Pennington (Foto: Reprodução/Youtube UFC)

Amanda Nunes chega ao UFC Rio como principal atração do evento. A campeã peso galo fará sua terceira defesa de cinturão – a primeira em casa – contra Raquel Pennington. O curioso é que a estreia da baiana no octógono aconteceu justamente na capital fluminense. No UFC 213, em agosto de 2013, a baiana ainda sem muito destaque, precisou de pouco mais de dois minutos para nocautear Sheila Gaff no card preliminar do show, que trazia como destaque José Aldo.

De lá pra cá, a Leoa rugiu alto: conquistou oito vitórias nas nove apresentações e se tornou a primeira brasileira campeã no Ultimate. Ela bateu nomes como Miesha TateValentina Shevchenko duas vezes e até ‘aposentou’ Ronda Rousey.

Neste sábado, Amanda precisará passar pela valentia de Pennington para impor seu jogo de boxe e dar voltar a ter o braço erguido no local onde fez sua primeira luta no octógono.

A possível aposentadoria do ‘Fenômeno’

Belfort em sua conquista título no UFC 12 (Foto: Reprodução/ Facebook Vitor Belfort)

Vitor Belfort é um dos mais importantes atletas da história do MMA brasileiro. O Fenômeno, com 39 anos de idade e 20 dedicados ao esporte, já protagonizou lutas marcantes e levou a modalidade ao grande público do país. Na noite deste sábado, o brasileiro pode fazer sua última luta como profissional. Ele encara o compatriota Lyoto Machida na abertura do card principal.

Belfort iniciou sua história no Ultimate em 1997 e, em uma só noite, venceu Tra Telligman e Scott Ferrozzo, por nocaute. Com isso, faturou do torneio de pesos pesados e tornou-se o lutador mais jovem da história a vencer no evento, com 19 anos.

De lá pra cá, entre idas e vindas ao UFC, Vitor conquistou o cinturão dos meio-pesados ao derrotar Randy Couture em 2004, e voltou a lutar por títulos de meio-pesados e médios, mas sempre batendo na trave.

No momento que é considerado como o ‘grande boom’ do UFC no Brasil, Vitor encarou Anderson Silva naquela que ele mesmo nomeou de a ‘Luta do Século’. Em fevereiro de 2011, ainda no primeiro assalto, levou um chute frontal e foi nocauteado pelo compatriota. O duelo ganhou destaques em várias emissoras de TV, jornais e revistas nacionais, aumentando consideravelmente o interesse do brasileiro pelo esporte.

Ele voltou a disputar o cinturão dos meio-pesados, em 2012, mas foi finalizado por Jon Jones. Em sua última chance de título, em 2015, Vitor acabou nocauteado por Chris Weidma no primeiro assalto.

Agora, com sua última luta no contrato, o  Fenômeno, apesar de não confirmar oficialmente, deve se aposentar ao final do UFC Rio.

Ronaldo Jacaré, o candidato ao cinturão peso médio

R. Jacaré afirma: “meus amigos me apelidaram de jacaré pelo fato de eu aparecer mais do que o símbolo da academia”. (Foto: Josh Hedges/UFC)

O faixa-preta Ronaldo Jacaré sobe no octógono com um objetivo em mente: vencer Kevin Gastelum e garantir, enfim, a chance pelo cinturão dos médios (até 84 kg.).

O brasileiro figurou entre os melhores da divisão desde a criação do ranking, mas nunca conseguiu a chance de lutar pelo título.

Com 38 anos, ele considerou se aposentar do MMA após uma série de lesões e várias oportunidades de lutar pelo cinturão não oferecidas. Porém, com mudanças na categoria, Jacaré vê a chance novamente perto.

Com Luke Rockhold subindo aos meio-pesados (até 93 kg.) e Chris Weidman ainda a algum tempo de retornar, o vencedor da disputa entre Jacaré e Gastelum deve garantir a luta pelo cinturão.

A nova musa do UFC

M. Dern se inspira em Rose Namajunas no MMa. (Foto: Reprodução/Instagram Mackenzie Dern)

Mackenzie Dern chegou ao Ultimate, em 2018, cercada de expectativa. A nova musa do UFC sofreu na estreia no octógono, mas conseguiu vencer Ashley Yoder, em fevereiro. Agora, pouco mais de dois meses do debute, a bela morena encara Amanda Cooper.

Dern é filha do brasileiro Wellington ‘Megaton’. Ela nasceu nos Estados Unidos, morou no Brasil e tem dupla nacionalidade. A faixa-preta de jiu-jitsu começou a treinar com o pai aos três anos, mas ao decidir ir para o MMA, encontrou resistência em casa.

Aos 25 anos, ela é considerada por muitos como candidata a nova musa do octógono.

John Lineker, o brasileiro com nome “gringo”

J. Lineker iniciou sua vida trabalhando de servente de pedreiro. (Foto: Divulgação/UFC)

John Lineker recebeu esse nome em uma homenagem ao atacante de futebol inglês Gary Lineker. O jogador fez carreira por times como Leicester City, Everton, Barcelona e Tottenham e foi artilheiro da Copa do Mundo de 1986.

Já John brasileiro é paranaense e ficou conhecido como “Mãos de Pedra” e ele precisará provar seu apelido para vencer Brian Kelleher.

O norte-americano que já derrotou os brasileiros Renan Barão e Iuri Marajó no UFC, precisará fazer valer sua maior envergadura para manter o brasileiro afastado e evitar de saber o motivo do apelido ‘Mãos de Pedra’

Ficha técnica do UFC 224:

DATA E HORÁRIO:  12/04/2018, a partir das 19h15 (horário de Brasília)

LOCAL: Jeunesse Arena, Rio de Janeiro, Brasil

TRANSMISSÃO: Canal Combate

Card principal 

Peso galo: Amanda Nunes x Raquel Pennington

Peso médio: Ronaldo Jacaré x Kelvin Gastelum

Peso palha: Mackenzie Dern x Amanda Cooper

Peso galo: John Lineker x Brian Kelleher

Peso médio: Vitor Belfort x Lyoto Machida

Card preliminar

Peso médio: Cézar Mutante x Karl Roberson

Peso pesado: Alexey Oleynik x Júnior Albini

Peso leve: Davi Ramos x Nick Hein

Peso meio-médio: Elizeu Capoeira x Sean Strickland

Peso meio-médio: Warlley Alves x Sultan Aliev

Peso médio: Thales Leites x Jack Hermansson

Peso meio-médio: Alberto Miná x Ramazan Emeev

Peso médio: Markus Maluko x James Bochnovic

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário