UFC 144: Ben Henderson bate Edgar e conquista cinturão dos leves

Ben Henderson vence Frankie Edgar e é o novo campeão dos leves do UFC

O cinturão dos pesos leves do Ultimate tem um novo dono. O norte-americano Ben Henderson travou uma verdadeira batalha contra Frankie Edgar na luta principal do UFC 144, evento realizado neste sábado, em Saitama, no Japão, e após 25 minutos de intensa disputa conquistou o título na decisão unânime dos juízes.

A luta começou bastante acelerada, com Edgar usando a tradicional movimentação para entrar e sair do raio de ação. Usando sua maior envergadura, Henderson atacava com perigosos chutes, na maioria das vezes bem defendidos pelo campeão – inclusive um voador, quando Frankie segurou a perna de Ben e com a perna de apoio, ele saiu do chão para tentar acertar cabeça do campeão -.

Já no segundo round a história da luta começou a mudar. Henderson acertava mais golpes e não deixava Frankie entrar no raio de ação. No terceiro assalto, Edgar chegou a tomar controle da luta e derrubou o oponente. Mas mesmo no chão, com uma pedalada espetacular, o desafiante abriu um enorme corte no nariz do campeão. Nos segundos finais, Ben ainda trabalhou golpes no solo, mas viu o adversário ser salvo pelo gongo.

No quinto round, precisando abrir o jogo, Edgar partiu para o tudo ou nada e levou perigo para o oponente, Mas Henderson conseguiu evitar os ataques e sair com a vitória na decisão unânime dos juízes (48×47, 49×46, 49×46).

“Sei que o atingi forte. Essa foi a intenção. Usei meu tamanho como vantagem. Tive oito semanas para baixar o peso e é bom que meu oponente todo o poder do meu peso”, afirmou o novo campeão.

VEJA TAMBÉM: UFC 144: Gomi faz a festa dos japoneses no card preliminar

Bader surpreende e domina Rampage
Se na pesagem Quinton Rampage Jackson não agradou a organização quando ficou quase três quilos acima do peso,  neste sábado o norte-americano decepcionou os fãs que estiveram no Saitama Super Arena para acompanhar a lenda do Pride. Diante de um insperado Ryan Bader, Rampage estava totalmente irreconhecível e não conseguiu evitar o jogo tático do oponente. Bader usou a movimentação para escapar do perigoso boxe de Jackson e derrubou oponente para trabalhar por cima e somar pontos.

Jackson ainda teve conseguiu uma espetacular queda no segundo round, jogando Ryan de cabeça no octógono, mas o vencedor da nona edição do TUF conseguiu se recuperar e seguir no duelo. No final da peleja, Bader ainda tentou finalizar com uma americana, mas o gongo salvou Rampage. No final, os três juízes laterais marcaram 30×27 para Ryan Bader.

Mark Hunt nocauteia  Cheick Kongo
Mark Hunt marcou seu nome nas lutas do Japão, onde conquistou o K-1 e iniciou no MMA. E neste sábado, atuando novamente na Terra do Sol Nascente, o neozelandês surpreendeu Cheick Kongo e nocauteou o adversário com potentes socos. Logo no início da luta, Hunt levou o o francês a knockdown, chegou a se recuperar. Porém, Hunt continuou atacando e novamente derrubou o adversário. Desta vez, sem perder tempo, o neozelandês continuou os golpes no solo e forçou o árbitro a encerrar a disputa.

Japoneses saem derrotados no card preliminar
Se no card preliminar Takanori Gomi fez a festa do público japonês, no programa de lutas principais os donos da casa decepcionaram a torcida.  Yushin Okami dominava a luta contra Tim Boetsch, mas após vencer dois assaltos acabou surpreendido no terceiro round. Com um chute alto, o norte-americano desequilibrou o japonês, que sentiu o golpe. No clinch, Boetsch encaixou vários uppercuts, que derrubaram Okami que caiu nocauteado.

Já Yoshihiro Akiyama, que fazia sua estreia na categoria de pesos meio-médios, conseguiu evitar as tentativas de Jake Shields de levar o comabte para o chão e até surpreender o ex-campeão do Strikeforce com lindas quedas de judô. Porém, não aproveitou as oportunidades no solo. Apesar de pouco contundente, Shields conectou mais golpes e levou a fatura na decisão unânime dos juízes.

VEJA TAMBÉM: UFC 144: Gomi faz a festa dos japoneses no card preliminar

Confira abaixo os resultados completos do UFC 144:

Card Principal

Ben Henderson derrotou Frankie Edgar na decisão unânime dos juízes;
Ryan Bader derrotou Quinton “Rampage” Jackson na decisão unânime dos juízes;
Mark Hunt derrotou Cheick Kongo por nocaute técnico no R1;
Jake Shields derrotou Yoshihiro Akiyama na decisão unânime dos juízes;
Tim Boetsch derrotou  Yushin Okami por nocaute técnico no R3;
Hatsu Hioki derrotou Bart Palaszewski na decisão unânime dos juízes;
Anthony Pettis derrotou Joe Lauzon por nocaute no R1;

Card Preliminar

Takanori Gomi derrotou Eiji Mitsuoka por nocaute técnico no R2;
Vaughan Lee finalizou Norifumi “Kid” Yamamoto com um arm-lock no R1;
Riki Fukuda derrotou Steve Cantwell na decisão unânime dos juízes;
Chris Cariaso derrotou Takeya Mizugaki na decisão unânime dos juízes;
Issei Tamura derrotou Tiequan Zhang por nocaute no R2;

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments