Anthony Smith afirma que está negociando confronto com Jon Jones em 2019

O empresário de 'Lionheart' estaria buscando com o Ultimate a melhor data para o encontro dos lutadores neste ano

A. Smith soma uma sequência de três vitórias seguidas. Foto: Reprodução/Instagram @lionheartsmith

Em seu retorno ao MMA, Jon Jones nocauteou Alexander Gustafsson no terceiro round da luta principal do UFC 232, sábado (29) em Inglewood (EUA). ‘Bones’ recuperou o cinturão dos meio-pesados e já está focado no próximo duelo. Em entrevista ao canal norte-americano Fox Sports, o campeão afirmou que vai permanecer na divisão até 93kg para reestabelecer seu legado que foi prejudicado com seu afastamento.

Veja Também

UFC 232: Jon Jones volta a vencer Gustafsson e reconquista cinturão dos meio-pesados
VÍDEO: Assista o nocaute de Jon Jones sobre Alexander Gustafsson no UFC 232
Presidente do UFC afirma que futuro de Jones depende do lutador ‘se manter limpo’

Ao ser questionado sobre quando voltaria a lutar, Jones afirmou que em julho seria uma boa data. Pensando nisso, Anthony Smith contou que seu empresário está negociando com o UFC para enfrentar ‘Bones’ em 2019.

“Claro, [meu empresário] já esteve conversando com o UFC e eu acho que eles estão trabalhando nisso e vendo o que isso parece com cronogramas e outras coisas, mas eu estou dentro”, disse Smith em entrevista ao site norte-americano TMZ Sports.

Jones deixou claro que espera ter um 2019 com muitas lutas depois de ficar afastado por 15 meses do octógono. Anthony admitiu que está ponto para enfrentar o campeão quando ele quiser.

“A qualquer hora, em qualquer lugar, em qualquer lugar, eu estou pronto. Eu vou lutar contra Jon neste fim de semana se ele quiser”, disse ‘Lionheart’.

Após a vitória sobre Gustafsson, Jones desafiou Corey Anderson por meio de seu twitter. No entanto, o desafio de Jon não tira Smith do foco. Anthony garantiu que lutar com ele é a único combate que faz sentido para Jones, se Cormier não voltar para a categoria.

“É o que os fãs querem ver. Eles não querem ver Jon entrar lá e bater em Corey Anderson ou quem quer que seja. Eles não querem ver isso. Não há nada aqui”, concluiu Anthony.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário