Marlon Moraes finaliza Raphael Assunção e pede chance por título: ‘Eu sou o melhor da divisão’

Em grande atuação, Marlon vinga revés diante Raphael Assunção, em 2017, e desafia o campeão dos galos TJ Dillashaw

M. Moraes supera R. Assunção em revanche. Foto: Reprodução/Facebook UFC

Marlon Moraes mostrou ao Ultimate o porquê deve ser o próximo desafiante ao cinturão dos galos. Na luta principal do UFC Fortaleza, neste sábado (02), o atleta de Nova Friburgo finalizou o compatriota Raphael Assunção em 3m17s de disputa, vigou o revés que havia sofrido em 2017 e se credenciou a chance pelo título.

Veja Também

UFC Fortaleza: José Aldo vence Moicano por nocaute e comemora nos braços da torcida
Com atuação impecável, Demian Maia finaliza Lyman Good no primeiro round do UFC Fortaleza
Markus Maluko finaliza americano e garante vantagem brasileira no card preliminar do UFC Fortaleza

Com o triunfo, o quarto seguido no Ultimate, Marlon deve deixar a quarta colocação do ranking dos galos e ficar perto da chance pelo título, atualmente em posse de TJ Dillashaw.

“Há oito anos, saí de Nova Friburgo numa tragédia parecida com a de Brumadinho e hoje estou aqui. Queria dizer que eu vou pegar esse cinturão! Sou inteligente o suficiente para saber que eu sou o melhor da minha divisão. Nosso campeão desceu de peso e perdeu uma luta que deveria ter ganho por ser bem maior”, afirmou Marlon ainda no octógono

A luta

O reencontro entre os pesos galos teve um começo estudado e os atletas estavam tentando encontrar a distância para os golpes entrarem. Moraes aplicou um jab de esquerda no rosto do compatriota que revidou com um chute baixo. Mais agressivo, Marlon acertou uma bomba de direita no rosto de Raphael. O pernambucano foi ao chão. Mesmo sendo alvo de vários golpes, Assunção resistiu e se manteve na disputa. Porém, Marlon laçou o pescoço do rival ainda em pé, encaixou a guilhotina e foi ao chão apenas para forçar o rival a desistir da peleja.

Resultados do UFC Fortaleza

Card Principal

Peso galo: Marlon Moraes finalizou Raphael Assunção com uma com uma guilhotina a 3m17s do R1

Peso pena: José Aldo derrotou Renato Moicano por nocaute técnico a 44seg do R1

Peso meio-médio: Demian Maia finalizou Lyman Good com um mata-leão a 2m38s do R1

Peso leve: Charles do Bronx finalizou David Teymur com triângulo de mão a 55s do R2

Peso meio-pesado: Johnny Walker derrotou Justin Ledet por nocaute técnico a 15s do R1

Peso palha: Livinha Souza derrotou Sarah Frota na decisão dividida dos juízes (29-28, 28-29, 29-28)

Card Preliminar

Peso médio: Markus Maluko finalizou Anthony Hernandez com um triângulo de mão a 1m07s do R2

Peso mosca: Mara Romero Borella derrotou Taila Santos na decisão dividida dos juízes (29-28, 28-29, 29-28)

Peso meio-médio: Thiago Pitbull derrotou Max Griffin na decisão dividida dos juízes (29-28, 28-29, 29-28)

Peso pesado: Jairzinho Rozenstruik derrotou Júnior Albini por nocaute técnico a 54s do R2

Peso pena: Geraldo de Freitas derrotou Felipe Cabocão na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 30-26)

Peso galo: Said Nurmagomedov derrotou Ricardo Carcacinha por nocaute técnico a 2m38s do R1

Peso mosca: Rogério Bontorin derrotou Magomed Bibulatov na decisão unânime dos juízes (29-28, 28-29, 29-28)

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário