Jan Blachowicz espera testar poder da trocação de Marreta no UFC Praga

O polonês afirmou que tem três estratégias de luta para vencer o combate e avisou: 'Ele nunca sentiu o que vai sentir no sábado'

J. Blachowicz vem de quatro vitórias no UFC. Foto: Reprodução/Instagram @janblachowiczJ. Blachowicz vem de quatro vitórias no UFC. Foto: Reprodução/Instagram @janblachowicz

Jan Blachowicz é faixa-preta em jiu-jítsu e tem como especialidade no MMA a luta agarrada. No entanto, se engana quem acha que o polonês tem como objetivo principal levar Thiago Marreta para o solo na luta principal do UFC Praga neste sábado (23). Em entrevista ao site do canal Combate, o lutador afirmou que quer testar o poder da trocação do brasileiro.

Veja Também

UFC Praga: Klidson Abreu e Carlos Diego Ferreira não batem o peso, mas lutas são confirmadas
Thiago Marreta diz que vitória sobre Blachowicz o deixa próximo de disputa do título

“Eu tenho três estratégias para esta luta. Vamos ver o que vai funcionar. Também gosto de lutar de pé. Eu gostaria de lutar com Thiago de pé porque seria algo, talvez não novo para mim, mas eu gostaria de testar o poder dele. Ele vai sentir algo novo no sábado. Ele nunca sentiu o que vai sentir no sábado. Tem que estar preparado para um novo estilo de luta. Vou mostrar a ele, não contar a você”, contou Jan.

Atualmente, Jan está no quarto lugar no ranking dos pesos meio-pesados e vai enfrentar o brasileiro que é o sexto colocado. O triunfo deve credenciar o vencedor a uma disputa de cinturão contra o campeão da divisão, Jon Jones no futuro. Mesmo animado com a possibilidade de lutar pelo título, o polonês afirmou que só pensa no combate contra Thiago.

“Essa luta é muito importante para mim, acho que para o Thiago também. Espero que sim (fará diferença para tentar disputar o cinturão). Eu quero acreditar nisso. Mas tento não pensar, só focar na luta. Penso apenas no sábado. Se algo vem à minha cabeça, tiro logo”, concluiu Blachowicz.

Aos 35 anos, o peso meio-pesado tem 30 lutas na carreira, com 23 vitórias e sete derrotas. Sua estreia no Ultimate foi em outubro de 2014 no UFC Estocolmo, quando nocauteou Ilir Latifi. Desde então ele realizou 10 lutas e foram seis triunfos e quatro reveses.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário