Apesar da derrota, Cigano fatura mais de 800 mil reais

cigano cain CORRETO

O brasileiro Júnior dos Santos foi massacrado pelo norte-americano Cain Velasquez na luta principal do UFC 155 e perdeu o cinturão dos pesados para o rival, mas houve uma disputa no evento em que Cigano foi o vencedor. O brasileiro foi para casa com um cheque de 400 mil dólares (mais de 800 mil reais, na cotação atual da moeda) e liderou o ranking dos mais bem pagos do evento, realizado em Las Vegas.

LEIA: Velasquez acerta Cigano mais de 100 vezes e estabelece novo recorde

Adversário de Cigano, e novamente detentor do cinturão dos peso-pesados do UFC, Cain Velasquez recebeu exatamente a metade do valor pago ao brasileiro.  O terceiro mais bem pago foi o peso-médio Yushin Okami. O japonês levou para casa 84 mil dólares, incluindo o bônus por sua vitória sobre Alan Belcher.

Confira abaixo os valores recebidos, em dólares, pelos atletas que lutaram no card principal do UFC 155:

– Cain Velasquez: $200.000,00

Júnior Cigano: $400.000,00

– Jim Miller: $82.000,00

– Joe Lauzon: $27.000,00

Constantinos Philippou: $36.000,00

– Tim Boetsch: $37.000,00

– Yushin Okami: $84.000,00

– Alan Belcher: $37.000,00

– Derek Brunson: $30.000,00

Chris Leben: $51.000,00

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário