Após um ano parado, Cara de Sapato volta ao octógono com derrota para Ian Heinisch no UFC Rochester

Brasileiro não vai bem no chão, se cansa e tem sequência de cinco vitórias interrompida; Vicente Luque faz valer superioridade e vence Derrick Krantz

Heinisch (esq.) vence Sapato (dir.) no UFC Rochester. Foto: Reprodução / Facebook @ufc

Definitivamente esta não foi a noite de Antônio ‘Cara de Sapato’. O brasileiro retornou ao UFC após um ano afastado por lesões e foi superado pelo norte-americano Ian Heinisch por decisão unânime dos juízes no UFC Rochester, neste sábado (18), em Nova York (EUA). O brasileiro, antes do embate, figurava na 12ª posição no ranking dos médios (até 83,9kg.)

Veja Também

Charles do Bronx vence trilogia contra Nik Lentz por nocaute, no UFC Rochester
Michel Pereira faz valer apelido de ‘Paraense Voador’ e dá show em estreia no UFC
Rafael dos Anjos é favorito contra Kevin Lee na luta principal do UFC Rochester

O brasileiro, de 29 anos, iniciou bem o duelo, partindo para cima e colocando o adversário para o chão. Passadas as etapas, Antônio parece ter se cansado e foi superado, inclusive, na área de sua maior especialidade: o chão.

O embate representou a 11ª atuação de Cara de Sapato pelo Ultimate. Até então, o vencedor do TUF (The Ultimate Fighter) Brasil 3 havia sido derrotado apenas em duas oportunidades.

Seu adversário, no entanto, realizou apenas sua segunda luta pela organização e ainda está invicto no Ultimate. Sua estreia, por coincidência, aconteceu contra outro brasileiro: Cesar Mutante. Na ocasião, o norte-americano derrotou Mutante também por decisão unânime dos juízes.

A luta

O brasileiro começou a combate com a guarda alta se cuidando para não ser surpreendido pelo adversário. Logo no primeiro minuto, Cara de Sapato conseguiu levar a luta para a sua zona de conforto, que é o chão. Com tempo para trabalhar o adversário no solo, o brasileiro começou a encontrar uma brecha para tentar uma finalização em Heinisch logo no primeiro round. Ian, no entanto, conseguiu se levantar, mas, ainda assim, o brasileiro permaneceu agarrado às costas do oponente. No fim da etapa, Antônio quase conseguiu uma guilhotina, porém o norte-americano conseguiu sair da posição.

O segundo round começou com Ian conectando um bom golpe contra o rosto do brasileiro, que não acusou o ataque. Cara de Sapato buscava entrar no raio de ação do adversário se aproximando com chutes baixos. A luta foi brevemente para o chão, porém, o norte-americano conseguiu se levantar em situação semelhante à etapa anterior. Em um momento que estava agarrado às costas de Heinisch, Antônio foi surpreendido por uma cotovelada direta no rosto. O brasileiro, então, foi obrigado a alterar a posição, que já não era favorável. No último minuto do assalto, Cara de Sapato tentou nova queda em Ian, porém, Antônio caiu por baixo e foi golpeado algumas vezes pelo oponente. Por sorte, já não havia mais tempo.

Com a possibilidade de empate, o terceiro assalto era definitivo. Os atletas trocaram bons golpes no centro do octógono, e, em um dado momento, Ian conseguiu conectar um bom golpe de encontro no rosto do brasileiro, que sentiu. Com pouco mais de um minuto decorrido, o duelo foi interrompido por um golpe ilegal de Antônio, que foi advertido. Após o retorno, o brasileiro foi imediatamente derrubado pelo adversário. Ao tentar se levantar, Antônio foi atingido por uma joelhada e, antes que o adversário tomasse vantagem, buscou as pernas do norte-americano para levar o combate para o chão. Novamente, a tentativa de queda foi frustrada. Cara de Sapato novamente caiu por baixo do oponente.

Vicente Luque toma susto, controla luta e vence Derrick Krantz por nocaute

V. Luque (dir.) leva susto , mas vence D. Krantz (esq.) por nocaute no UFC Rochester. Foto: Reprodução/Facebook Ufc

O brasileiro Vicente Luque conseguiu uma boa vitória sobre o norte-americano Derrik Krantz. Após ser surpreendido pelo adversário logo no início do duelo, o atleta conseguiu contornar as dificuldades e derrotar o oponente por nocaute no fim do round.

Derrick Krantz começou o duelo partindo para cima e conectando bons golpes no rosto do brasileiro, que absorveu bem golpe. Após ser levado para o chão, o brasileiro quase sofreu uma finalização, mas conseguiu se manter tranquilo e sair da posição incômoda. Após a dificuldade, Vicente conseguiu se levantar e começou a colocar sua estratégia em jogo. Após alguns golpes, Luque conseguiu conectar uma boa joelhada no abdômen de Derrick, que sentiu e foi ao chão. O brasileiro, então, teve apenas o trabalho de atingir o oponente até que o árbitro interrompesse o combate.

Com a vitória, Luque, de 27 anos, somou seu quinto triunfo seguido e figura na 15ª posição no ranking dos meio-médios (até 77kg.).

Resultados do UFC Rochester

CARD PRINCIPAL

Peso meio-médio: Rafael dos Anjos finalizou Kevin Lee com um katagatame aos .3m47s do R4

Peso médio: Ian Heinisch derrotou Antônio Cara de Sapato na decisão unânime dos juízes (29-28, 29-28, 29-28)

Peso pena: Felicia Spencer finalizou Megan Anderson com um mata-leão 3m34s do R1

Peso meio-médio: Vicente Luque derrotou Derrick Krantz por nocaute técnico a 3m52s do R1

Peso leve: Charles do Bronx derrotou Nik Lentz por nocaute técnico a 2m11 do R2

Peso leve: Davi Ramos derrotou Austin Hubbard na decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 30-27)

CARD PRELIMINAR

Peso galo: Aspen Ladd derrotou Sijara Eubanks por decisão unânime dos juízes  (30-26, 29-27, 29-28)

Peso leve: Desmond Green derrotou Charles Jourdain por decisão unânime dos juízes (30-27, 30-27, 29-28)

Peso meio-médio: Michel Pereira derrotou Danny Roberts por nocaute a 1m47s do R1

Peso pena: Grant Dawson finalizou Mike Trizano com um mata-leão a 2m27s do R2

Peso meio-pesado: Ed Herman derrotou Patrick Cummins por nocaute técnico a 3m39s do R1

Peso médio: Zak Cummings derrotou Trevin Giles por finalização aos 4m01s do R3

Peso pena: Julio Arce derrotou Julian Erosa por nocaute a 1m49s do R3

 

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário