Na semana de luta contra Ngannou, Cigano afirma: ‘Vou nocautear’

Brasileiro mostra respeito à força de oponente, mas acredita em sua técnica e estratégia para sair vitorioso neste sábado

J. Cigano (foto) está confiante em vitória sobre F. Ngannou. Foto: Reprodução/Facebook UFC

O ex-campeão dos pesados (até 120,2kg.), Júnior Cigano, está confiante em um bom resultado contra Francis Ngannou no evento que marca o UFC Minneapolis, neste sábado (29). Apesar de reconhecer a força de seu oponente, o brasileiro acredita que sua experiência prevalecerá contra o francês-camaronês. Em entrevista ao ‘Combate’, o lutador falou sobre a expectativa para o tão aguardado duelo.

Saiba mais

Após derrotar Moicano, ‘Zumbi Coreano’ quer enfrentar top 4 dos penas
Felipe Micheletti vence no GLORY 66 e fica próximo do cinturão dos meio-pesados
Rafael Lovato vence Gegard Mousasi e conquista cinturão dos médios do Bellator

“O Ngannou é um cara muito forte, tem muita potência, é um cara meio que fora do normal. Todo peso-pesado bate forte, tem força, mas ele é um pouco acima da média. Tem que tomar cuidado. Acho que é o cara mais perigoso da categoria. É como eu disse, muita potência assim, sem a quantidade certa de controle, não adianta nada. Então eu acho que ele peca em algumas coisas e eu vou tentar aproveitar esses detalhes”, confessou Júnior.

Embora esteja com a estratégia traçada em sua cabeça, o atleta reconhece a força que seu oponente carrega nos punhos. Em oito triunfos pelo Ultimate, Francis derrotou sete oponentes por nocaute. Pensando nisso, Júnior não descarta que, caso seja necessário, o duelo seja levado para o chão.

“MMA é MMA, não é? A gente tem que estar pronto para aproveitar todas as situações que acontecerem na luta. A minha intenção nunca foi e nem vai ser derrubar ninguém, mas se ele me der a chance não vou evitar de derrubar, ao contrário, vou aproveitar e fazer chão também. Mas a minha principal intenção é sempre buscar pelo nocaute e eu acredito muito que eu vou nocautear ele”, revelou o brasileiro.

Cigano passou por um momento instável dentro do Ultimate. Entre 2012 e 2017, o atleta disputou oito combates e foi derrotado por quatro vezes, três delas pelo título da categoria. No entanto, o lutador se recuperou e, atualmente, vem de três triunfos consecutivos, o que o alocou na terceira posição no ranking da divisão, atrás apenas de Ngannou (segundo), Stipe Miocic (primeiro) e, claro, do campeão, Daniel Cormier. Caso supere o camaronês, Cigano espera poder enfrentar voltar a lutar pelo cinturão no futuro.

Sobre o título, Júnior ainda comentou sua opinião em relação à nova disputa que acontecerá entre Daniel Cormier e Miocic, pelo em agosto, pelo UFC 241.

“Eu acho que o Miocic vai vir mais bem preparado. Na primeira vez, ele meio que aceitou um pouco a curta distância com o Cormier. Ele tendo a vantagem dos braços mais longos, o boxe do Miocic é muito bom, e ele tem muito poder de nocaute também. Mas, por alguma razão, ele estava aceitando a curta distância com o Cormier. Não entendi muito bem aquela estratégia no início”, comentou Júnior. “Eu acho que ele vai prestar mais atenção dessa vez e vir mais preparado, mais esperto com as condições do Cormier. O Cormier é perigosíssimo, um cara muito experiente. Tem o wrestling como seu forte, mas ele surpreende, às vezes, com chutes e socos bons, mas eu acredito que vai dar Miocic”, finalizou Cigano.

Programa de lutas do UFC Minneapolis

CARD PRINCIPAL (23h, horário de Brasília):
Peso pesado: Francis Ngannou x Junior Cigano
Peso mosca: Jussier Formiga x Joseph Benavidez
Peso meio-médio: Anthony Rocco Martin x Demian Maia
Peso leve: Drew Dober x Marco Polo Reyes
Peso leve: Roosevelt Roberts x Vinc Pichel
Peso meio-pesado: Alonzo Menifield x Paul Craig
CARD PRELIMINAR (20h, horário de Brasília):
Peso galo: Ricardo Carcacinha x Journey Newson
Peso meio-pesado: Vinicius Mamute x Roman Dolidze
Peso pesado: Maurice Greene x Junior Albini
Peso pena: Jordan Griffin x Vince Murdock
Peso leve: Jared Gordon x Dan Moret
Peso meio-pesado: Dalcha Lungiambula x Justin Ledet
Peso palha: Emily Whitmire x Amanda Ribas

 

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário