Justin Gaethje aplica nocaute fulminante em Donald Cerrone no UFC Vancouver

Norte-americano garante boa fase na carreira e aplica segundo revés seguido em Donald na luta principal deste sábado

J. Gaethje em vitória pelo UFC. Foto: Reprodução / Facebook @ufc

O encontro entre Donald Cerrone e Justin Gaethje entregou a luta franca que se esperava. Tratava-se do embate entre dois dos atletas mais competitivos da divisão dos leves (até 70,3kg.) e terminou como o imaginado: nocaute. Após quase cinco minutos de trocação franca, Justin levou a melhor sobre o Cowboy e acabou conectando um bom cruzado de direita, que levou o compatriota ao chão e, em seguida, a nocaute.

Veja Também

UFC Vancouver: Justin Gaethje x Donald Cerrone – Resultados
Em luta parelha, Glover bate Krylove na decisão dividida dos juízes no UFC Vancouver
Vídeo: Melhores momentos de Michel ‘Paraense Voador’ Perreira x Tristan Connelly no UFC Vancouver

Os compatriotas subiram ao octógono buscando um triunfo para seguir perseguindo o sonho de disputar o título da categoria, que hoje pertence a Khabib Nurmagomedov.

Do início ao fim, os atletas promoveram um espetáculo de tirar o fôlego. Com possibilidades de nocaute para ambos os lados, era de se imaginar que o resultado não seria decidido pelos juízes.

Embora viesse de derrota recente para Tony Ferguson, uma conquista neste final de semana poderia colocar Cerrone em uma melhor condição na categoria.

Justin vem em uma melhor fase. Além de conquistar seu terceiro triunfo consecutivo pela companhia, o norte-americano também completou sua vitória de número três em sequência. O feito colocará o atleta no radar da diretoria do Ultimate para um eventual confronto contra o detentor do título.

Na entrevista após o triunfo, Gaethje descartou um duelo contra Conor McGregor. Segundo o lutador, o mais interessante é enfrentar o campeão, Khabib.

“O irlandês (Conor McGregor) está aposentado. Eu quero é o russo (Khabib Nurmagomedov)”, declarou Justin.

Donald, por sua vez, afirmou que, mesmo com a derrota, tem os planos de lutar novamente em dezembro, declarando seu amor pelo seu trabalho.

A luta

Os atletas iniciaram arriscando chutes baixos. Sempre cautelosos, assim que desferiam os ataques, recuavam para não serem surpreendidos. Donald começava a defender com as pernas e contra-atacava com jabs e diretos. Os chutes baixos de Gaethje começaram a abalar o Cowboy, que permanecia caminhando para frente. As mãos dos lutadores estavam em potência máxima e os golpes entravam com muito perigo. Como esperado, as mãos de Justin, quanto tocavam o rosto de Donald, balançavam o norte-americano. No fim do assalto, Cerrone foi surpreendido por uma bomba de direita de Justin, que levou o ‘Cowboy’ a cair de joelhos. Gaethje golpeou o compatriota até que o duelo fosse encerrado pelo árbitro.

Resultados do UFC Vancouver

CARD PRINCIPAL

Peso leve (até 70,3kg.): Justin Gaethje derrotou Donald Cerrone por nocaute a 4m18s do R1

Peso meio-pesado (até 93kg.): Glover Teixeira derrotou Nikita Krylov na decisão dividida dos juízes (29-28, 28-29, 29-28)

Peso pesado (até 120,2kg.): Todd Duffee x Jeff Hughes terminou em No Contest (sem resultado)

Peso meio-médio (até 77kg.): Tristan Connelly derrotou Michel Pereira na decisão unânime dos juízes (29-28, 29-27, 29-27)

Peso médio (até 83,9kg.): Uriah Hall derrotou Antônio Cara de Sapato na decisão dividida dos juízes (29-28, 28-29, 29-28)

Peso meio-pesado (até 93kg.): Misha Cirkunov derrotou Jimmy Crute por finalização a 3m38s do R1

CARD PRELIMINAR

Peso pesado (até 120,2kg.): Augusto Sakai derrotou Marcin Tybura por nocaute a 59s do R1

Peso galo (até 62,3kg.): Cole Smith derrotou Miles Johns derrotou Cole Smith na decisão dividida dos juízes (29-28, 28-29, 29-28)

Peso galo (até 62,3kg.): Hunter Azure derrotou  Brad Katona na decisão unânime dos juízes (30-27 30-27 29-28)

Peso pena (até 65,7kg.): Chas Skelly derrotou Jordan Griffin na decisão unânime dos juízes (29-28 29-28 29-28)

Peso galo (até 62,3kg.): Louis Smolka derrotou Ryan MacDonald por nocaute a 4m43s do R1

Peso leve (até 70,3kg.):  Austin Hubbard derrotou Kyle Prepolec na decisão unânime dos juízes (29-28, 29-28, 29-28)

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário