Vindo de duas derrotas, Vinícius Mamute espera primeira vitória pelo UFC neste sábado: ‘Que venha a finalização’

Meio-pesado quer retomar a boa fase na carreira e causar boa impressão ao Ultimate em duelo contra Paul Craig no UFC Cidade do México

V. Mamute em atuação no MMA. Foto: Reprodução/Instagram @mamutefive

O meio-pesado (até 93kg.), Vinícius Mamute quer finalmente conquistar sua primeira vitória pelo Ultimate. Desde que assinou contrato com a empresa e realizou sua estreia, em janeiro deste ano, o atleta não conseguiu vencer em nenhum dos dois compromissos para os quais foi escalado. Neste sábado (21), o atleta quer superar Paul Craig e aposta em finalização para somar seu primeiro triunfo pela companhia. A declaração foi feita em entrevista ao ‘Combate’.

Veja Também

White fala sobre Colby negar combate contra Usman: ‘Quando ele quiser lutar, vai nos avisar’
Dana afirma que Conor deve voltar a lutar em dezembro ou no início de 2020
Estreante no Ultimate, Vanessa Melo falha em corte de peso para luta neste sábado

“Não vou mentir. É difícil lidar com a derrota. Nunca tinha vindo de duas derrotas consecutivas. Perder já é ruim, ainda mais vindo de duas derrotas. Mas graças a Deus, psicologicamente, consegui me reerguer e estou confiante. Na minha última luta, por exemplo, tive amplas chances de ter vencido, foi por um pequeno detalhe. Agora, é só concentrar. Com pressão não estou. Parece até que estou vindo de vitória, e vou fazer o melhor que puder sábado e sair com a vitória”, disse o brasiliense.

Neste final de semana, o brasileiro irá enfrentar um adversário que também vem de derrota e passa por um momento de instabilidade dentro da empresa. Em seus compromissos pelo Ultimate, Paul disputou sete combates e saiu vitorioso em apenas três. O atleta, que debutou pela organização em 2016, busca se firmar na companhia e também precisa triunfar.

Vinícius acredita na possibilidade de o duelo ser disputado no chão. Segundo Mamute, seu adversário tem competência no jiu-jitsu, o que pode levar o combate a ser decidido pela ‘arte suave’.

“Realmente ele tem um excelente jiu-jítsu. Sei disso. Não vou menosprezar. Também sou do jiu-jítsu e não vou desprezá-lo nunca. Mas confio no meu jiu-jitsu. (Craig) Também é um cara alto, se não me engano, e nós dois somos os que temos mais finalizações nessa categoria, o meio-pesado. O público está aposentando numa finalização, seja minha ou dele, mas que venha a minha finalização” disse o lutador.

Mamute conseguiu o acesso ao UFC após participar do reality “Dana White Contender Series”. O lutador garantiu seu contrato profissional com a organização após bater John Allan Arte por finalização no segundo round.

Em seu último duelo, realizado em junho, o brasileiro acabou nocauteado por Eryk Anders por nocaute. Vinícius, de 30 anos, estreou no MMA em 2015 e, desde então, soma 12 combates, com nove triunfos e três reveses.

 

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments