Comissão Brasileira de MMA admite erro na pesagem de Vanessa Melo e Tracy Cortez no UFC São Paulo

Entidade confirma que lutadoras chegaram ao limite da categoria das galos, ao contrário do contabilizado na manhã desta sexta-feira

Comissão Atlética Brasileira de MMA admite erro em pesagem de V. Melo (esq.) e T. Cortez. Foto: Montagem SL/MMA Press

A Comissão Atlética Brasileira de MMA (CABMMA) lançou uma nota no intuito de esclarecer qualquer dúvida sobre a contabilização do peso das atletas Vanessa Melo e Tracy Cortez, que se enfrentam no UFC São Paulo neste sábado (16). Na manhã desta sexta-feira (15), as combatentes subiram à balança e, em um primeiro momento, falharam, o que gerou um caso curioso. Mais tarde, a entidade fez uma publicação a fim de sanar o mal-entendido e culpam um erro de calibragem pelo ocorrido.

PUBLICIDADE:

Veja Também

“Considerando o fato de que as lutadoras foram pesadas em uma balança que não foi calibrada como a oficial (do Ultimate), a comissão foi orientada pelo peso errado e conduziu sua diretriz com dados incorretos. Como a diferença entre as balanças foi de 0,7 libras (cerca de 317g) e ambas somaram peso exato na escala oficial, a CABMMA irá considerar seu peso oficial como 136 libras (61,6kg.

Nesse sentido, as atletas não sofrerão nenhuma multa ou penalidade, e terão seus registros mantidos. Para o entendimento da CABMMA, as classes de peso são projetadas para segurança e justiça, e não uma regra rígida que impede esses objetivos”, escreveram os responsáveis.

PUBLICIDADE:

As peso galo (até 61,2kg.) estiveram entre as três últimas atletas, dentre os 24 escalados para subir ao octógono neste final de semana, a subirem à balança. Visivelmente tensas, as lutadoras precisaram tirar a roupa para chegar ao peso limite e se frustraram quando perceberam que não atingiram o objetivo.

Na primeira contagem, ambas ficaram cerca de 250g acima do permitido, o que poderia causar a perda da bolsa das combatentes.

PUBLICIDADE:

Vanessa Melo e Tracy Cortez serão as responsáveis por abrirem o espetáculo que acontece no Ginásio do Ibirapuera. As duas duelam pela primeira vitória no Ultimate.

PUBLICIDADE:

A brasileira, que estreou pela organização em setembro deste ano, precisa vencer para apagar a derrota sofrida para Irene Aldana, no UFC Cidade do México.

Cortez, por sua vez, irá realizar seu debute na empresa. A norte-americana foi descoberta a partir do ‘Dana White’s Contender Series’, quando venceu Mariya Agapova na decisão dos juízes. A combatente vem de seis vitórias consecutivas na carreira.

Podcast #40: José Aldo ainda pode ser campeão no UFC?

Comentários

Deixe um comentário