Embalado por vitórias, Volkan Oezdemir pede luta contra Thiago Marreta

Em ascensão nos meio-pesados, suíço mira embate contra brasileiro e também cogita duelo contra Alexander Gustafsson

V. Oezdemir (foto) pede luta contra T. Marreta. Foto: Reprodução/Facebook UFC

Vindo de duas vitórias consecutivas e atualmente na sétima posição no ranking dos meio-pesados (até 93kg.), o suíço Volkan Oezdemir tem planos de subir ainda mais na divisão dominada por Jon Jones em 2020. O combatente sugeriu uma luta contra Thiago Marreta para o futuro. A declaração foi feita em entrevista ao ‘MMA Junkie’.

Veja Também

Jones afirma que ida para os pesados depende exclusivamente dos fãs: ‘Se quiserem, eu vou’
Bethe ‘Pitbull’ volta ao octógono contra Pannie Kianzad, no UFC São Paulo
Valentina Shevchenko descarta superluta contra Weili Zhang: ‘Ainda tem muito a provar’

“Thiago Santos (Marreta) sera uma luta divertida e trará muitos fogos de artifício”, afirmou o suíço.

Volkan mira a chance de encarar o atleta da Cidade de Deus (RJ) após a grande atuação de Marreta contra Jon Jones, quando o brasileiro proporcionou ao campeão um dos maiores desafios de sua carreira. Na luta, ocorrida em julho do ano passado, pelo UFC 239, ‘Bones’ saiu vencedor na decisão dividida dos juízes. O resultado fez com que Santos figurasse como desafiante número um da categoria.

Thiago, no entanto, não é a única opção de Oezdemir. Segundo o suíço, caso não seja possível enfrentar o brasileiro, por ora, o atleta gostaria de encarar outro ex-desafiante ao título do UFC.

“Eu também queria a luta contra (Alexander) Gustafsson. Eu sei que ele se finge de morto até que ele encontra uma luta fácil, mas, neste meio tempo, quer me manter ativo e lutar contra o cara mais forte do grupo”, finalizou.

Caso deseje enfrentar Marreta, em um primeiro momento, Volkan deverá aguardar pela recuperação do brasileiro. O atleta não atua desde o desafio contra Jones. Após o espetáculo, foram confirmadas graves lesões nos dois joelhos do combatente e Thiago foi submetido a cirurgias. Existe a possibilidade de Santos retornar ao octógono em junho.

Gustafsson não se apresenta desde o revés sofrido para Anthony Smith, em junho do ano passado. Atualmente na oitava posição no ranking, o sueco chegou a anunciar a aposentadoria do esporte, mas mudou de ideia e decidiu voltar a lutar profissionalmente.

 

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments