Leon Edwards se irrita com revanche entre Jorge Masvidal e Nate Diaz; Santiago Ponzinibbio o desafia

Top-5 do peso meio-médio não concorda com novo encontro valendo o cinturão 'BMF' e é visto pelo argentino como adversário ideal

L. Edwards ataca J. Masvidal. Foto: Reprodução/Twitter @Leon_edwardsmma

Jorge Masvidal é um dos lutadores que mais possui rivalidades no MMA. O lutador se envolveu em polêmicas com Kamaru Usman, Colby Covington, porém, se depender de Leon Edwards, a inimizade entre eles será ainda maior. O inglês, que já havia acusado o desafeto de estar fugindo de uma eventual luta, não gostou nada de saber que a revanche entre ‘Gamebred’ e Nate Diaz, válida pelo cinturão ‘BMF’, está nos planos do UFC. Em seu Twitter, ‘Rocky’ desabafou.

Veja Também

Dana White confirma interesse na superluta entre Brock Lesnar e Jon Jones
Ultimate encaminha ‘Durinho x Usman’ e ‘Masvidal x Nate Diaz 2’ para o UFC 256, em dezembro
Daniel Cormier aposta em nocaute de Francis Ngannou sobre Stipe Miocic e faz alerta a campeão
Glover Teixeira promete show contra Thiago Marreta: ‘Vou ganhar no terceiro ou quarto round’
Dustin Poirier não confirma luta contra Tony Ferguson, mas se diz pronto para o duelo

“Masvidal poderia ter lutado contra o número três do ranking, mas escolheu lutar contra o número 12. Eventualmente, esse m**** vai lutar comigo. Sou totalmente a favor de lutas que valem muito dinheiro, mas ver dois lutadores comuns se enfrentando de novo, quando a primeira luta não foi competitiva, é uma piada. O ‘BMF’ é isso”, atacou Edwards.

Ao perceber que um top-5 do peso meio-médio (77kg) está sem adversário, Santiago Ponzinibbio, que não atua desde 2018, tentou tirar proveito da oportunidade e desafiou o inglês.

“Campeão, se você precisa de um oponente, estou pronto. Me diga quando”, postou o argentino.

A rivalidade entre Leon Edwards e Jorge Masvidal teve início em março de 2019, quando o norte-americano agrediu o rival nos bastidores com uma sequência de socos. Desde então, o britânico, que venceu oito lutas consecutivas, sempre expressa o desejo de acertar as contas no octógono. Por sua vez, Santiago Ponzinibbio está há dois anos sem lutar, por conta de lesões e por ter contraído o coronavírus, interrompendo uma sequência de sete vitórias. Inclusive, o período que ficou afastado o tirou do top-15 do peso meio-médio.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments