Vídeo: Colby Covington é deixado 'no vácuo' ao tentar beijar mão de Donald Trump | SUPER LUTAS

Vídeo: Colby Covington é deixado ‘no vácuo’ ao tentar beijar mão de Donald Trump

Episódio aconteceu quando o presidente dos Estados Unidos promovia a luta do meio-médio contra Tyron Woodley, que acontece neste sábado

C. Covington (esq.) foi deixado ‘no vácuo’ após tentar beijar mão de D. Trump (dir.). Foto: Reprodução/Instagram

Eleitor confesso do presidente dos Estados Unidos, Colby Covington foi deixado ‘no vácuo’ após tentar beijar a mão de Donald Trump no vídeo em que o chefe de estado promovia a luta do meio-médio (até 77kg.) contra Tyron Woodley, que acontece neste sábado (19). As imagens foram publicadas pelo ‘Caos’ em suas redes sociais.

Veja Também

O episódio aconteceu depois que Trump elogiou o atleta e confirmou sua torcida para Covington no confronto contra o ex-campeão linear da divisão, neste final de semana.

“Eu vou assistir Colby. Sou um grande fã. Ele é um grande vencedor, um campeão. Vai ser uma grande noite, desejo toda sorte. Boa sorte, campeão”, disse o presidente.

Depois da fala, o lutador agradeceu a fala e, não satisfeito com um cumprimento simples, tentou beijar a mão de Donald, que, em atitude evasiva, não permitiu a ação.

Luta contra Woodley

O duelo contra Tyron Woodley promove um encontro importante para a categoria dos meio-médios. Vindo de derrotas, os atletas tentarão retomar o caminho das vitórias e podem garantir uma disputa de cinturão, caso vençam de forma convincente.

Campeão da divisão entre 2016 e 2019, Woodley não vive o melhor momento na carreira. Após perder o posto de líder do grupo para Kamaru Usman, em março de 2019, o norte-americano conheceu sua segunda derrota consecutiva no encontro contra Gilbert Durinho, em maio. Até o revés para o brasileiro, Tyron nunca havia perdido dois compromissos em sequência.

Motivado pelo desejo de voltar a lutar pelo título, Covington, que foi batido pelo atual campeão em uma batalha no UFC 245, em dezembro do ano passado, precisa passar pelo Woodley, caso queira recuperar a condição de desafiante. Ex-campeão interino da categoria, o norte-americano, hoje, é o número dois da divisão.

Veja o episódio de Colby com Trump

 

Ver essa foto no Instagram

 

The #POTUS @realdonaldtrump will be tuned into @ESPN to watch me at #UFCVegas11 this Saturday night, how about you snowflakes? 👔- @sartoriagherardi

Uma publicação compartilhada por colbycovington (@colbycovmma) em

Comentários

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments