Dana White admite que pode alterar formato de luvas do UFC para evitar dedo no olho: ‘Está uma loucura’

Presidente do Ultimate busca alternativas para evitar golpe ilegal, que pode mudar a trajetória de um confronto

D. White em coletiva pelo UFC. Foto: Reprodução/YouTube UFC

O famoso ‘dedo no olho’ é um problema que, há anos, incomoda atletas e pessoas diretamente ligadas ao MMA. A ação, muitas das vezes involuntária, pode alterar o desenrolar de uma luta e, pensando nisso, o presidente do UFC, Dana White, admitiu que busca uma luva alternativa que possa minimizar o problema.

Veja Também

Colby Covington provoca Kamaru Usman em transmissão e campeão responde: ‘Eu quebrei sua cara’
Johnny Walker faz autocrítica sobre luta contra Ryan Spann: ‘Venci, mas não como deveria’
Leon Edwards desafia Colby Covington e chama rival de racista: ‘Eu cuido dele em dezembro’
Embalado por vitória no UFC Las Vegas 11, Chimaev mira luta contra Demian Maia e campeões

“Tem sido uma loucura ultimamente. Essa noite (UFC Las Vegas 11), foi muito ruim, mas não sei o que decidimos. Nós estamos olhando possibilidades diferentes. Nós pesquisamos. Não sei a resposta para isso, especialmente agora”, disse o ‘chefão’ em conversa com repórteres após a realização do card do último sábado (19).

A luta co-principal do UFC Las Vegas 11, por exemplo, foi marcada por três infrações cometidas por Niko Price, no confronto contra Donald Cerrone. Por três vezes, o norte-americano tocou os olhos do ‘Cowboy’ com os dedos, o que prejudicou a visão do oponente em alguns momentos.

Outro episódio marcante ocorreu há pouco mais de um mês, no confronto entre Daniel Cormier contra Stipe Miocic, no UFC 252. Na ocasião, DC acabou sendo tocado algumas vezes pelo campeão e, após a disputa, estava com um dos olhos praticamente fechado. O mesmo aconteceu no segundo encontro entre Cormier e Miocic, em 2019, mas, na outra situação, os papéis estavam invertidos.

Notícias relacionadas

Deixe seu comentário

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments